Skip to content

Participantes de empresas investigadas reunem-se para buscar “legalização” do MMN

15/07/2013

Abaixo outra matéria relativa aos recentes problemas jurídicos sofridos por empresas que se qualificam como de marketing multinível, quando, em realidade, remuneram (quase que exclusivamente) por recrutamento de pessoas e não possuem produto competitivo no mercado. Reparem a contradição entre as palavras do investidor da Telexfree Heráclito Noé (“muito trabalho”) e da professora que optou por largar a carreira e trabalhar “apenas um turno” como investidora (ou divulgadora??? ou recrutadora???) de Telexfree. Após a Ação Civil Pública, divulgadores tentam agora dar ao “trabalho” proposto pela Telexfree um peso maior. O blog sempre foi partidário de uma legislação rigorosa sobre Marketing Multinível. Com certeza, eventual regulamentação não poderá admitir que esquemas puros de recrutamento sejam legalizados. Torcemos para que negócios como os propostos por Telexfree e BBom não sejam admitidos como são praticados atualmente pois apenas quem não tem noção mínima de matemática vai defender que negócios de recrutamento e sem foco em vendas para consumidor final são sustentáveis. Aproveito para deixar um recado aos investidores mais exaltados de Telexfree…internet não é terra de ninguém. Repudiamos ameaças e tomaremos as providências cabíveis para que estes “anônimos” sejam identificados e punidos. A baderna feita internet afora não terá eco neste blog.

 

EMPRESAS DE MULTINIVEL SE UNEM NO RN

Alvo de investigações por parte do Ministério Público do Estado as empresas de marketing multinível se unem no Rio Grande do Norte para lançar campanha de legalização do segmento. A informação foi repassada pelo executivo da BBom e dono de franquia da Unepxmil, que vende rastreadores, Victor Hugo Noé. “É importante ter  investigações para que possa dar maior clareza e conhecimento as atividades do marketing multinível, ainda pouco conhecido no país. Nem a justiça sabe bem como lidar o negócio MMN”, disse Victor Hugo. O MPE/RN instaurou inquérito civil para  apurar as atividades da  TelexFree, BBom, NNEX, Priples, Cidiz e Multiclick Brasil.

Na última semana, a Justiça Federal decretou a indisponibilidade dos bens da  BBOM, pertencente ao Grupo Embrasystem, bem como dos bens dos sócios proprietários dessas empresas. O Procon/RN abriu ação para apurar irregularidades na relação entre um investidor e empresa, que denunciou prejuízo com o não repasse de pagamentos. A Telexfree permanece impedida de realizar pagamentos e ter novas adesões, em todo o país As empresas são investigadas por indícios de pirâmide financeira.

Para o consultor do Sebrae, Carlos Von Sohsten, esse é um tema complexo. Os conceitos de  empresas de marketing direto,   vendas diretas com empresas de marketing multinível ou pirâmides são comumente confundidos. É preciso separar cada segmento e atentar para os detalhes da oportunidade oferecida, quem está por trás e quais são as “promessas”. “Em geral, os esquemas de marketing multinível têm causado mais prejuízos do que bons resultados, para a maioria dos participantes”, diz o consultor de negócios do Sebrae.

No marketing multinível, o faturamento é calculado sobre as vendas de produtos ou serviços que  sustentam o negócio. Já no esquema denominado “pirâmide financeira”, considerado crime no Brasil, os participantes são remunerados somente pela indicação de outros indivíduos para o sistema, sem levar em consideração a real geração de vendas de produtos.

A modalidade, segundo o  economista e coordenador do curso de Gestão Financeira da Universidade Potiguar (UnP), Janduir Nóbrega, não se sustenta por não haver uma relação comercial ou de consumo. “Diferente das demais relações, não há um produto sendo fabricado, comercializado e mesmo um consumidor final. Não atende, teoricamente, as leis comerciais”, afirma. Um dos principais investidores da empresa Telexfree no Estado, o delegado e professor de direito Heraclito Noé, pondera que há muito desinformação  em relação ao novo tipo de negócio, que é lícito. “As pessoas tendem a ver o novo, o desconhecido, como algo que cheira mal. Mas esta é uma nova oportunidade de negócios, em um novo ambiente: a internet, com melhor geração de renda e com muito trabalho”, afirma.

A rede mundial de computadores é usada como mecanismo de divulgação e vendas, que permite os divulgadores a trabalharem com maior flexibilidade de horários e em ambientes diversos. “Há uma cultura de se achar justo somente o dinheiro que vem suado, do cabo da enxada, mas há outras formas honestas. É um novo momento”, observa. Noé admite que hoje a principal renda vem do MMN, mesmo se dedicando à noite e finais de semana.

Divulgadores trocam de carreira

Levados pela comodidade de estabelecer os horários de trabalho e manter uma empresa a menores custos é cada vez maior o número de pessoas que aderem ao formato de negócio em marketing multinível. A professora de Letras, Raianne Bispo, de 26 anos, abriu mão da carreira de professora para se dedicar as atividades de consultoria na Telexfree. Trabalhando apenas um turno, em escritório montado com outros nove amigos, para dar apoio e consultoria a rede estabelecida com mais de 9 mil pessoas, ela conta que conseguiu ganhos que a profissão não permitiria e em curto tempo. “Somos remunerados proporcionalmente a produção, ao trabalho que fazemos. Enquanto como professora, o trabalho é mais desgastante, e a remuneração não é boa”, disse Raianne.

Em 3 meses de atividade e com uma rede de 2 mil pessoas,   o executivo da Bbom Victor Noé, de 26 anos, tem umajornada maior de trabalho, entre consultoria a novos integrantes e viagens para divulgação, do que quando se revezava nas funções de administrador de um escritório de advocacia e sócio numa loja de acessórios automotivos. “Com um investimento de R$ 600,00, eu consegui triplicar minha renda mensal, mas em compensação dobrei a quantidade de trabalho”, disse.

O advogado Renato Rodrigues, presidente da Comissão de Advogados Trabalhistas da OAB/RN, afirma que não há relação de trabalho entre a empresa Telexfree e seus divulgadores. O contrato não estaria qualificado na CLT, que rege as relações e trabalho. “Não existe para o divulgador, quem aderiu a empresa, relações trabalhistas a serem reclamadas junto à empresa”, observa

.

Leia também:

.

BBom: decretada a proibição do recrutamento de novos associados

BBom na mira da Justiça: decretada a indisponibilidade de bens da empresa e sócios

Entrevista com o dono da marca BBom

Participantes de empresas investigadas se reúnem para discutir a legalização do MMN

Telexfree é uma Telexfria

Ministério da Justiça (também) no encalço da Telexfree

Decisão que proíbe a Telexfree de cadastrar e pagar mantida pelo TJ do Acre

BBom: considerações acerca de seu plano de marketing e de sua sustentabilidade

Marketing multinível: subproduto da degradação do tecido sócio-econômico-moral

O Sistema existe para resolver os problemas do Sistema

Entrevista com o especialista em fraudes do MMN – Jon Taylor

Entrevista com a especialista em fraudes do MMN – Tracy Coenen

Sofismas e falácias dos distribuidores de MMN

Herbalife: lavagem cerebral na prática – parte 1

Herbalife: lavagem cerebral na prática – parte 2

Um olhar psicanalítico acerca de grupos de distribuidores das empresas de marketing de rede e de fiéis de várias instituições religiosas

Teste para avaliar se uma empresa de MMN é ou não é pirâmide

Scripts para recrutar trouxas – parte 1

65 Comentários leave one →
  1. Mauricio B M Rocha permalink
    15/07/2013 22:53

    Os operadores de MMN sempre declaram que este esquema e uma “novidade”, e que isso deixa as pessoas confusas, a legislacao ainda nao reconhece etc etc… Que eu saiba, piramides existem desde a antiguidade, literalmente. Essa onda das piramides “modernas”, da era da internet, ja proliferou nos EUA e agora chegou ao Brasil. E aqui e um campo fertil mesmo, porque o que mais tem e gente que tem preguica de se esforcar e se qualificar para o mercado de trabalho, mas quer ganhar dinheiro rapido e facil. Ou melhor, como diz mais um chavao do MMN, “nao e dinheiro facil, e dinheiro SIMPLES” kkkkkkk Outro lugar comum do mundo MMN e afirmar sempre que aquela rede em particular e a “maior do mundo”, a que “mais cresce no mundo”, a que “mais lucra no mundo” ou seja, sao sempre afirmacoes grandiosas que apelam para as pessoas egocentricas e narcisistas e de quebra ainda leva alguns ignorantes tambem… Quer dinheiro “simples”, complete seus estudos, faca uma faculdade ou curso tecnico, um estagio, outro estagio, depois faca entrevistas de emprego e trabalhe honestamente. Nao ha forma mais simples de ganhar dinheiro. Alias nao e dinheiro “simples”, mas dinheiro HONESTO… kkkk engenharia reversa na pilantragem……

    • Renata Lima permalink*
      15/07/2013 23:03

      Mmn da espaco para pessoas completamente desinformadas e que engolem todo tipo de bullshit. O MP fala que e piramide porque e recrutamento e os caras voltam com “nao conhecem mmn”. Realmente falta estudo e esforco. Imagina legalizar bbom e telexfree. Ninguem faz mais nada e na frente a maioria se ferra. Agora provar sustentabilidade…nem tentam.

    • Ícaro permalink
      15/07/2013 23:28

      Renata, eu discordo.
      A pessoa é golpista independente da informação. E o que a faz participar é a vantagem de participar com os primeiros do plano.

      Quanto a maior o título é melhor para o golpe dá certo. Se tiver um professor universitário com pós-doutorado no golpe é um prato cheio para eles.

      – “Afinal, se até um professor com tal título de tal universidade apoia, por que eu não?”

      Quanto mais celebridade, intelectuais e etc, melhor para o golpe crescer. E existem vários que participam, depois deixam a fumaça baixar e voltam.

    • Arthur permalink
      16/07/2013 10:16

      Mauricio,isso ta me lembrando uma certa marca coreana de automóveis que ganhou mercado aqui,vendendo OS MELHORES CARROS DO MUNDO,empurrando carro com motor de 120 cv e propagandeando 160,e teve lote de gente pagando 80mil pra levar carroceria esportiva com motor de POPULAR.

  2. Mauricio B M Rocha permalink
    15/07/2013 23:42

    Cara, ha algum tempo eu mandei de brincadeira um email para os meus amigos explicando que eu nao estava mais afim de trabalhar, que achava que aquela vida de trabalho nao era para mim, etc, entao estava passando os dados da minha conta corrente e pedindo, honestamente, que cada pessoa depositasse R$ 10 e tambem enviasse aquele email para toda a sua lista. Caso nao quisesse contribuir que entao apenas repassasse o email, e assim poderiam ficar um pouco felizes porque estariam me ajudando a conquistar meu sonho de ser rico sem trabalhar… Terminava com “Deus te Abencoe”, ou “Jesus te Ama”, nao lembro. E obvio que ninguem depositou nada, era so uma pidada mas no final das contas o MMN e mais ou menos isso, so que pra valer e tambem da um certo grau de legitimidade -falsa- para cada um fazer o mesmo. Claro que se fosse legalizado ia acabar prejudicando algumas pessoas honestas, mas eu ainda acho que no fundo trata-se apenas de transferencias de dinheiro entre pessoas desonestas, um toma-la-da-ca mesquinho que funciona ate como jogo ou uma droga para alguns. Nao tenho muita pena de quem se ferra nao, e como o golpe do bilhete premiado e tantos outros que apelam para a ganancia e a desonestidade de cada um. Voce pode ver nos perfis de facebook dos mais bem sucedidos a ostentacao, a arrogancia, tipo “seus otarios, eu nao preciso trabalhar”.

  3. 16/07/2013 3:09

    Olá Pessoal responsáveis pelo site, gosto muito das matérias daqui e sempre acompanho. Gostaria de ver alguma matéria sobre uma coisa que é muito obscura para mim: O Mundo dos Líderes do MMN. Quem são, de onde surgem, o que fazem, suas histórias.
    Desde a época da Amway que desconfio que eles são forjados para começar o esquema e expandi-lo . Estou errado? Ou eles seguem aquele roteiro do esquema e chegaram lá por ter começado antes?
    Saudações a todos.

    • Renata Lima permalink*
      16/07/2013 9:34

      Estamos analisando esta questão. Uma coisa é postar sobre modelos de negócios e outra, que precisa de muito cuidado, é postar sobre pessoas. Acredito que a questão é do pioneirismo mesmo. Começaram, ganharam, viciaram, e nem sabem fazer outra coisa da vida. Não sabem viver no “Mundo normal” dos negócios. Meu palpite

    • Arthur permalink
      16/07/2013 10:22

      Eu andei dando uma pesquisada por ai..rsss
      Nas comunidades de MMN no Facebook só tem isso.
      Nego propagandeando reunião com os Líderes que eles chamam de Monstros,toda semana tem um lider fazendo reunião em algum lugar e seus aceclas,que sustentam seu lider com suas mensalidades,convidando as pessoas para partcipar ouvir as falácias.Hoje tem reunião com o Monstro tal,ele esta com sangue nos olhos é cadastramento certo…rsss
      Onde vamos parar???E não empresa pequena não..coisa grande.
      Se o MP levar a sério fecha mais da metade dessas empresas inclusives as associadas da ABEVD.

    • Lucas permalink
      16/07/2013 12:37

      Sobre os líderes, são pessoas escolhidas com muito cuidado, e que já participaram de outros esquemas.
      Essas pessoas precisam ser de confiança e ter dinheiro para investir. Além dos laranjas carismáticos que ficam sendo a cara da empresa.

    • 16/07/2013 20:40

      Obrigado pela resposta. Realmente dar nome aos bois é complicado, mas pensava numa matéria que falasse sobre esta movimentação de um lado para o outro destes líderes. Com certeza nos comentários também seria desvendado muitas coisas.

    • Renata Lima permalink*
      16/07/2013 21:25

      Isto já está na pauta. O problema é que a pauta foi atropelada pelos processos contra as pirâ…digo, telexfree e bbom. Eu mesma vou escrever sobre isto, realmente não decidi COMO abordar. Obrigada pela sugestão!!! Já temos uns 5 lideres com currículos interessantes.

    • Isabela permalink
      18/07/2013 18:24

      Também acho q seria interessante fazer um post sobre esses líderes, quem sabe até uma lista das figurinhas que aparecem em todos os albuns rsrsrs
      Se isso não for causar problemas para o blog, creio que ajudaria muita gente a identificar aqueles que ficam anos e anos a fio pulando de uma piramide para outra e enganando impunemente um monte de crentes.

    • Renata Lima permalink*
      18/07/2013 19:30

      Pois é, também queria fazer um post sobre isto mas o blog precisa tomar muito cuidado para não se meter em problema jurídico. Para afirmamos que pessoas são pilantras em um post com milhares de acessos diários, precisamos ter provas contundentes – se algum foi processado por estelionato, estas coisas.

      Se telexfree e bbom caírem de vez, daí já podemos dizer que alguns líderes participaram de pirâmides financeiras OFICIALMENTE reconhecidas. Se algum leitor tiver alguma questão acerca destes líderes e quiser dividir, coloque nos comentários que eu não publico e faço a compilação para um futuro post.

    • Eraldo permalink
      18/07/2013 20:57

      Olá, muito prazer!
      Gostei do blog e suas matérias. Vou postar um link com uma matéria de como a Monavie entrou no Peru, a empresa fez tudo certo, não tem nada demais, apenas que os participantes não entendem como funciona e acham que ao adentrar no esquema podem desbravar novos mercados tendo a ilusão de ganhos extraordinários quando na verdade apenas são simples compradores. Abraços, Eraldo.

      26/07/2012 às 09h56 Há apenas quatro anos no Brasil, a americana Monavie vai usar a estrutura da operação brasileira como modelo para sua expansão pela América Latina. Criada em 2005, a empresa vende nutrição saudável por catálogo – um “blend” de açaí com outras 19 frutas, que sai por R$ 85, barra de proteína, uma bebida calmante, um shake para controle de peso -, através da venda direta. Aqui, o portfólio circula por meio de um exército de 30 mil “distribuidores independentes” ativos, que rendeu ao grupo em 2011 avanço de 392% nas vendas em relação ao ano anterior. O Brasil é hoje o terceiro maior mercado para a marca, atrás apenas de Estados Unidos e Japão. Em maio, na última convenção da Monavie, uma espécie de sessão motivacional coletiva “market-oriented”, Maurício Patrocínio, então diretor geral no país, foi nomeado vice-presidente para a América Latina. O americano Gavon Barkdull tornou-se diretor regional e Eduardo Frayha, antigo diretor de marketing, assumiu a posição de Patrocínio. O modelo que, segundo o executivo, deu certo no Brasil e será replicado em outros países se baseia em dois pilares – a adaptação do portfólio (as barras de proteína são feitas aqui com menos açúcar do que as americanas, por exemplo) e motivação dos empreendedores, que são atraídos pela ideia de serem “donos do negócio e do próprio tempo”. A nova gestão quer primeiramente fortalecer a operação mexicana, que existe há um ano e meio, e entrar no mercado peruano, “onde há um grupo de líderes interessado em começar a revender a marca”. Em uma semana, diz Patrocínio, o grupo juntou naquele país os 500 nomes que devem dar início aos trabalhos. Colômbia, Chile e Argentina são as próximas prioridades na região.© 2000 – 2012. Todos os direitos reservados ao Valor Econômico S.A. . Verifique nossos Termos de Uso em http://www.valor.com.br/termos-de-uso. Este material não pode ser publicado, reescrito, redistribuído ou transmitido por broadcast sem autorização do Valor Econômico.Leia mais em:http://www.valor.com.br/cultura/blue-chip/2765630/expansao-funcional#ixzz2YnAXuePs

    • Arthur permalink
      19/07/2013 10:57

      Eraldo,você realmente acha que não tem nada de estranho em vender gororoba de açai cheia de conservante por 85 reais o litro?Pq será ue tem um sem numero de vendedores deste suco por 25 reais no mercado livre?Pq querem ganhar dinehiro?
      Toda a reunião da Monavie é pautada em carros de luxo,iates e helicópteros e na estória de uma doméstica que ficou rica com a Monavie.

    • Eraldo permalink
      19/07/2013 21:13

      Arthur, se tem uma pessoa que não é fã da Monavie mesmo esta pessoa sou eu. Quando disse que não tem nada de errado é em relação a forma como ela iniciou suas atividades no Peru contratando(ou inscrevendo) 500 empresários locais para iniciar o negócio lá. Até aí tudo bem. Mas acontece que estes mesmos 500 empresários é que vão se tornar os ´´monstros“ do esquema, vão vender livros, palestras e material de divulgação com aquela áurea de gênios e líderes que começaram do zero servindo de exemplos para os novatos.
      Postei a matéria porque achei pertinente ao comentário sobre a origem dos líderes MMNs. Acho que ajuda a entender um pouco como funciona.
      Minha curiosidade é se foi desta mesma forma que começaram no Brasil?
      Abraços.

    • Eraldo permalink
      19/07/2013 21:44

      Ah, tem mais uma coisa; eu postei o comentário com a reportagem copiada porque a Renata pediu se alguém tivesse alguma coisa a respeito que ajudasse na matéria que ela vai escrever postasse nos comentários que seria copiado e não aceito. Mas se achou pertinente postar então tudo bem. Acho que falta um e-mail para contato no Blog. Fica a sugestão.

    • Renata Lima permalink*
      19/07/2013 21:51

      Ih Eraldo, eu não me toquei que era material sobre o post. Postei porquê achei a informação (com ou sem post) interessante. Desculpa, mas nestes dias de pirâmides tem tanto comentário que as vezes eu vou no “automatico”.

      Obrigada pela colaboração!!!!

  4. Paulo permalink
    16/07/2013 14:21

    Mas como é que esses líderes continuam enganando as pessoas?
    Posso dizer nomes aqui? Na dúvida deixo as iniciais: F. A. e P. R. F. Dois golpistas de primeira que já aplicaram dezenas de golpes e as pessoas continuam entrando nos esquemas.
    Como é que a coisa não fica manjada? São rostos conhecidos, as MESMAS promessas, o mesmo modelo de “negócio”.

    • Renata Lima permalink*
      16/07/2013 15:08

      ganância (maioria) + desinformação (minoria) = terreno fertil pra golpistas.

      Muita gente das redes destes caras também devem viver de recrutamento. E milhares que eles prejudicam preferem não processar. Coisa de brasileiro mesmo, se fosse nos EUA estes caras não se faziam com facilidade. Minha esperança é que a justiça amplie as investigações e inclua a figura de notorios líderes.

  5. Israel permalink
    16/07/2013 17:38

    Renata. Parabens por seus comentários articulados. Continue assim junto com seus colegas, alertando o povo que muitas vezes são desinformados mesmo.

  6. 16/07/2013 20:35

    Gente, não sei se é off-topic mas estou postando. O tal Robert Kiyosaki, famoso autor do “Pai Rico, Pai Pobre” decretou a falência de sua empresa.
    http://www.infomoney.com.br/minhas-financas/noticia/2582290/empresa-autor-pai-rico-pai-pobre-pede-falencia-diz-nyp

    Esse é o modelão de sucesso dos MMNers. Falaram ai que o Robert Kiyosaki certa vez disse que se perdesse tudo entraria pra uma empresa de MMN… vejamos hahaha

  7. João permalink
    18/07/2013 20:38

    Parabéns pelo excelente blog…
    Sobre o post sobre os líderes,
    Não sei a viabilidade jurídica e adequação ao contexto do blog, mas acredito que poderia ser feito um post apenas listando as “empresas” e suas diretorias e/ou suas principais lideranças/divulgadores, desde que documentados.
    O post teria a trajetória destas empresas, sem qualquer acusação, somente informativo e com comentários bloqueados, de forma a manter a integridade e resguardar a todos.

  8. 18/07/2013 23:55

    só é trabalho se tiver relações trabalhistas é, puxa!!!, coitados dos homens que dão um duro danado nesse país, acordam cedo, e chegam muitas vezes tarde em casa, pra consseguir o pão de cada dia , com suas mãos calejadas, têz queimada muitas ezes pelo sol escaldante, rugas bem acentuadas, marcas das lutas e provações da vida dura de (trabalho), sem sequer ter relações trabalhistas, ai vem esse senhor e diz que não é trabalho, ora faça-me um favor

    • Renata Lima permalink*
      19/07/2013 9:38

      Que raio tem a ver ter ou não relação trabalhista com proliferação de pirâmides????? E vc acha que publicar anuncio em internet ou CRUZAR OS BRAÇOS para ganhar bonus de comodato são TRABALHO??? Faça-me o favor você, se vai defender pirâmide, traga alguma prova de sustentabilidade.

  9. Luana permalink
    19/07/2013 12:45

    Outra empresa que vem dando golpe é a Sucesso na Internet, um absurdo, você entra acreditando que esta comprando um vídeo para aprender fazer site, paga, eles mandam um login e quando você entra vem a surpresa, para continuar você precisa adquirir o site deles e vender o mesmo que comprou. Conclusão, o DVD que vc acredita ter comprado e pago R$178,00 nunca chega.

  10. Sapo permalink
    19/07/2013 23:22

    A minha opinião é que todos temos o direito de ganhar dinheiro,pois no mundo em que vivemos e principalmente no país que se sustenta por pirâmides financeiras usando seu próprio povo,temos muitas priâmides governamentais minha gente vocês querem se fazer de santinhos e “legais” perante leis de um país ultrapassado e corrupto. Analisem a fundo o sistema político que vivemos no Brasil,e irão ver que o MMN é algo que pode sim mudar de lado esse esquema,e fortalecer seu povo com uma distribuição de renda sadia onde todos podem serem felizes financeiramente.

    • Fernando permalink*
      20/07/2013 0:41

      Ah sim, então se um monte de meliantes rouba, mata, estupra, engana, mente, isso justifica que você minta, vagabundeie, faça canalhices, passe os outros pra trás por dinheiro? E MMN vai mudar de lado o ESQUEMA então (veja que vc mesmo disse “mudar o esquema’, Escamoso)? Do lado fétido para o lado pútrido? E quem vai melhorar a distribuição de renda, a BBom e a Telexfree? Talvez a Dumba, a Libi, a Blackdever et caterva, né?

      Nossa, que animal repugnante!

      Sapo, vc tá mais é pra girino. Volta pro brejo, e só saia de lá quando sofrer uma metamorfose de verdade.

    • Paulo permalink
      20/07/2013 10:24

      Sapo, a sua ‘opinião’ é um insulto, uma agressão às pessoas honestas. Não pense que todo mundo tem a ousadia de querer levar vantagem com o sofrimento alheio.
      Eu sei que posso “investir” e obter retorno numa pirâmide, mas e as pessoas que entraram depois de mim? E as centenas ou milhares de outras que certamente não ganharão nada? Que venderam até bens adquiridos com esforço, como casas, carros pra “investir” numa pirâmide e se deram mal?
      Seria justo eu ganhar dinheiro dessa forma?

      O Brasil não melhora por culpa de pessoas como vc; bando de maria-vai-com-as-outras, que saqueiam, roubam, fazem qualquer coisa porque em grupo é mais fácil, não é mesmo? Em grupo todo mundo é forte. Gente como vc, além de desonesta e engrandecer o crime, é covarde.

      Homenagem pra vc:

    • Renata Lima permalink*
      20/07/2013 13:07

      a sua opinião significa que você é partidário do caos social. Então, já que corrupção é regra, sejamos todos corruptos.

      Coisa de meliante MESMO. Vc podia se mudar pra China ou pros EUA, esta sua apologia ao crime não teria eco num país mais rigoroso. Vai estudar e trabalhar, quem sabe vc ajuda o país a sair da lama ao invés de ajudar a afundar?????

      APOLOGIA A CRIME É CRIME.

  11. Rafael Cordeiro permalink
    20/07/2013 6:02

    Esse pra você Sapo

    • Reginaldo Domingos Biluca permalink
      10/08/2013 3:10

      Pessoa que só pensa no próprio umbigo, dane-se se quem “investiu” seu dinheiro honesto e suado seja condenado a viver dias bem difíceis quando a piramide quebrar.

    • Renata Lima permalink*
      10/08/2013 13:28

      Quem investiu dinheiro “honesto e suado” em esquema de recrutamento de pessoas é o quê??? Desinformado ou conivente??? Para esquema de recrutamento praticamente PURO tomar corpo, é necessário um número sem fim de pessoas dispostas a investir (leia-se “comprar” voip desnecessário, publicar anúncio em site obscuro, ou “comprar” rastreador que demora a chegar, quando chega).

      A meu ver, há uma característica comum aos participantes deste tipo de negócios….a intenção de ganhar dinheiro fácil. Ninguem precisa vender NADA, o que é “vendido” a outros é a oportunidade de negócio, não “produto”.

      De todo modo, sou solidária aos participantes de boa fé, mas acho que são minoria, infelizmente. Ao menos os que vejo que participam ativamente de fóruns de discussão internet afora.

  12. Egiptólogo permalink
    20/07/2013 13:18

    divulgador de voz de veludo ataca novamente http://www.youtube.com/watch?v=MnNHwOnJ8Ys

    • Renata Lima permalink*
      20/07/2013 14:25

      “eu confio no senhor carlos costa, mas o senhor é meio inacessível”. Desistam, desistam.

      Ao menos a telexfree DEVIA satisfação aos investidores, estes videos do carlos costa + derrotas sucessivas no judiciário = desespero. Fico triste ao constatar o que uma pirâmide pode fazer socialmente. Um estrago.

    • Renata Lima permalink*
      20/07/2013 16:51

      “Todo Divulgador ingressa na família TELEXFREE com o intuito de empreender, revender contas VOIPS, e obter lucro. Não há, portanto, relação de consumo entre a TELEXFREE e seus Divulgadores, mas sim uma relação comercial. Assim sendo, o Ministério Público do Estado do Acre não tem legitimidade e interesse para defender supostos direitos que não são de consumidores, não são homogêneos e são disponíveis.”

      Argumento jurídico de quinta, eles não escaparão da relação consumerista. Outra, os caras se colocam onde PENSAM estar (“lider de marketing multinível” no brasil) e não onde estão. Megalomania típica de esquemas. Vide rotermund e aftb, discurso IGUALZINHO (proposta revolucionária e que iria SANAR o deficit habitacional).

      Achei a nota ridícula, como absolutamente TUDO que telexfree tornou publico desde a liminar. Ainda não foram 100% sinceros em NADA. Mas com o perfil limitado dos divulgadores, tudo cola. Até aquela conversa fiada daquela advogada péssima que dá palpite sem ler processo.

    • Fernando permalink*
      20/07/2013 20:14

      Esse pessoal é primário demais! Mas não resta muita coisa a eles não, pois não possuem argumentos para oporem à Justiça e ao MP. E entra ano, sai ano e novos incautos caem nessas picaretagens…

    • Egiptólogo permalink
      20/07/2013 17:00

      só me pergunto de onde viriam os tais seiscentos milhões(das próprias contas bloqueadas?), ou se não passam de mais um blefe

    • Renata Lima permalink*
      20/07/2013 17:04

      se eles quisessem MESMO oferecer valor em garantia, fariam isto no processo SEM AVISAR.

      Imagina se vc tem dinheiro bloqueado a receber e a empresa OFERECE milhões em garantia PRA JUSTIÇA QUE TANTO TE PREJUDICOU??? É pra morrer de raiva, se tem dinheiro, PAGA os investidores. Parece coisa fabricada.

    • Egiptólogo permalink
      20/07/2013 17:29

      tipo, “ofereceram” um $ que não têm só porque sabe que a justiça não vai aceitar?

    • Renata Lima permalink*
      20/07/2013 17:40

      Por ai….ou pra forçar a ideia que a justiça tem culpa de tudo. Acho muito implausível uma empresa (que recém virou S.A, se é que virou MESMO) dar este tiro no pé ao informar que tem MILHÕES pra garantir juízo.

      Tendo ou não tendo, tornar isto publico é uma burrice estratosférica.

    • Renata Lima permalink*
      20/07/2013 17:48

      isto também…porquê a questão na ACP ou na liminar não é garantir o juízo que vai pagar ou que tem recursos pra pagar…a garantia é o bloqueio. Parece blefe mesmo. Juridicamente, tá mais pro lado do SUBORNO puro e simples…rs.

    • Reginaldo Domingos Biluca permalink
      10/08/2013 3:14

      Olá amigo, infelizmente você leu a noticia pela metade, ele oferece sim 600 milhões, mais não em espécie e sim ele daria a “empresa” como garantia.

    • Renata Lima permalink*
      10/08/2013 13:14

      Pra quê dar empresa em garantia se já houve bloqueio de valores????

  13. Gedson permalink
    24/07/2013 18:45

    “NNEX define o valor do e-Voucher a R$ 14,17! Quebrou!
    Foi uma surpresa geral, mas o NNEX quebrou antes do Ministério Público intervir. Era anunciado que o voucher deles valeria sempre acima de R$ 40. Nas ultimas duas semanas estava a R$ 37 e todo mundo reclamando: muitos nem transformaram em “real” pois a cotação estava baixa. Hoje a empresa anunciou o valor do eVoucher Express a R$14,17.
    Quer dizer que o plano Premium (R$ 2890) concede ganhos de R$ 240,89 ao mês (antigamente era R$800), e o plano Standard (R$ 695) concede ganhos de R$ 48,17 (antigamente R$ 200). Isso se a quantidade de adesões se manter estável, que é praticamente impossível.
    Assinantes Standard não poderão mais sacar nem ao final do contrato, porque o ganho total será inferior ao mínimo permitido pela empresa R$ 600.
    A tendência é cair ainda mais o valor do Voucher, pois poucas pessoas irão querer investir alto sob o risco de não receber nada. Quem é que vai querer entrar no NNEX com esses ganhos? Podemos dizer que ela quebrou hoje!
    Acredita-se que próxima semana o e-Voucher Express estará por volta dos R$ 6,50.”
    Segue o link da fonte desta notícia http://mais-nnex.blogspot.com.br/2013/07/nnex-define-o-valor-do-e-voucher-r-1417.html
    Este post eu li num site defensor da NNEX hahahahaha
    O cara postou apenas uns 5~7 posts ele até defendeu os mmn’s no primeiro post. Maior comédia kkkkk

    • gap permalink
      24/07/2013 20:59

    • Egiptólogo permalink
      24/07/2013 22:38

      Mais ou menos o direito que o item 13.2 do contrato da Telexfree reserva à empresa? Pelo que consta lá. a TF teria o direito de, a seu critério diminuir o valor da recompra de US$ 20 pra US$ 19, R$ 5 ou mesmo US$ 0,01

  14. Carlos Eduardo permalink
    24/07/2013 21:41

    Moro no Rio Grande do Norte e uma das empresas investigadas é a NNEX. Ouvi falar muito pouco dessa empresa; fiquei sabendo mais porque uma parente de minha esposa havia entrado nisso e disse que tava quase recuperando o investimento de R$ 3.000,00 sem precisar indicar ninguém, que é algo que duvido muito!

    Pois bem, estava olhando a página do facebook dessa empresa e parece que, mesmo sem intervenção judicial, parece que já está para quebrar, provavelmente pelo fato de que a repercussão sobre telexfree e bbom fez o povo pensar duas vezes antes de entrar. Sinceramente, é pouca gente que tá entrando nessas coisas e, logo logo, quebram todas, é só esperar.

    O que eu queria dizer é que os divulgadores da NNEX estão p… da vida com essa empresa: parece que, além de atraso de pagamentos (ou não realização mesmo), a empresa fica mudando as regras (como a telexfree). O mais interessante é que, para quem acompanha essa página com alguma regularidade, vai perceber que, aparentemente, a empresa exclui todos os comentários negativos, pois quando tinha 70 comentários, por exemplo, de repente não tem mais nenhum.

    Bem… era só uma dica que queria passar para o pessoal que deseja acompanhar sobre um esquema ponzi que parece que vai quebrar sem necessidade da intervenção do Estado! De fato, tudo isso de pirâmides é algo novo para mim, e é um assunto que me fascinou desde o início, assim verei uma corrente se quebrar, apesar de sentir pena de algumas pessoas bastante influenciáveis que se deixam levar pela história do dinheiro fácil!

    Aliás, os organizadores deste site estão de parabéns! Muito boa a cobertura de vocês!

  15. 26/07/2013 0:29

    tenho um primo que investiu na telexfree. tem 2.000 reais bloqueados e a namorada dele é colaboradora forever.livig , me chamaram para entrar na forever. eu sou meia cetica. .. não entrei. agora estou aliviada. eu não conhecia muito esse negocio de pirâmide, com as noticias da telexfree. gostei do blog muito esclarecedor.

  16. Ricardo permalink
    31/10/2013 19:02

    Olá pessoas! Eu faço MMN e estou muito satisfeito, bem mais do que meu antigo emprego onde eu batia cartão pra deixar meu patrão rico e dar mais da metade do meu salário pro governo podre e corrupto que vocês defendem. Investi recentemente R$5.000,00 na empresa WCM777, faz 1 mês e meio e já ultrapassei os R$8.000,00 de ganhos, realmente acho que deve ser decepcionante……pra vocês!!!
    Acho que vocês deveriam usar este espaço pra denunciar coisas mais importantes como a corrupção, impostos sem fim que derrubam qualquer um, jogos de loteria que são as verdadeiras pirâmides mas ninguém fala né……enfim, muitos assuntos que iriam edificar mais a sociedade. Cada um é livre pra investir seu dinheiro no que quiser e achar lícito, tudo e qualquer negócio nessa vida existe risco, ninguém sabe o dia de amanhã.
    Aqui no Brasil a maioria das empresas de MMN estão sendo investigadas porque existe muitos interesses por trás que se fosse colocar aqui faltaria espaço, interesses de pessoas sujas e podres que estão no poder, essa é a verdade, ninguém quer ver o povo sair da lama. No Acre por exemplo, quase 10% da população do estado estavam na Telexfree ganhando dinheiro, e isso não é bom pra quem quer manter o povo na rédia não é mesmo? Tomaram prejuízo por culpa do governo porque até então todos estavam recebendo da empresa normalmente.
    A mesma Telexfree opera em vários outros países inclusive EUA faz anos, e lá onde as leis são infinitamente mais rígidas do que no Brasil, a empresa é livre para trabalhar e oferecer oportunidade para as pessoas. Existem diversas empresas que trabalham livremente no exterior há décadas e não tem problema lá fora, agora nessa merda de país Brasil, o que seria legal e ético é considerado crime e muitos como vocês concordam e o que seria considerado por questões óbvias ilícito, como cigarro e cachaça,é livre e liberado no Brasil. Então na minha opinião, acho que este país, estas leis e esse sistema podre que faz a verdadeira lavagem cerebral na maioria das pessoas, não tem credibilidade para julgar empresas de MMN.
    Se a Telexfree por exemplo fosse denunciada e impedida de trabalhar nos EUA, então acho que deveria parar aqui também, mas do contrário não acredito que o fizeram aqui foi certo.
    Vocês falam muito sobre provar a sustentabilidade não é mesmo? Eu já trabalhei como funcionário de uma fábrica que quebrou, ficou sem dinheiro por causa da má administração e muitos funcionários ficaram na mão, inclusive eu. Mais uma prova de que tudo e qualquer negócio tem seu risco. Então acredito primeiramente que sustentabilidade depende disso, boa administração.
    Nem o governo do Brasil tem sustentabilidade, está cheio de dívidas e o povo está na lama. Patrão não está nem aí pro funcionário, só quer que ele bata o cartãozinho dele todos os dias para deixá-lo mais rico em troca de uma mixaria que mal paga as contas da pessoa. Somos o país dos impostos, o governo nos rouba até as cuecas e não vemos pra onde vai o dinheiro, isso sim é injusto, imoral,anti ético e insustentável.
    Agora querer investir em uma empresa de MMN em busca de uma oportunidade de mudar de vida é contra a lei kkkkkkk…….só rindo de vocês pra não chorar.
    Pessoas do blog! Continuem assim, metendo o pau no MMN e tirando o foco do povo para não enxergar onde está a VERDADEIRA INDÚSTRIA DA DECEPÇÃO. Defendam estas leis sujas e esse governo podre do Brasil que deveriam estar ocupados combatendo a fome, violência, falta de educação e saúde. Mas não estão mais ocupados e dando prioridade máxima em acabar com a distribuição de renda que as empresas de MMN oferecem ao povo, e queiram vocês ou não já mudou a vida de muita gente pra melhor, a maioria ficou da mesma financeiramente falando, e alguns poucos imprudentes que investem tudo que tem se deram mal porque com certeza não tem experiência no ramo. Ao contrário do sistema brasileiro, onde só quem está em cima vai ficando mais rico (isso sim é pirâmide), e o povo vai ficando cada vez mais pobre e endividado, e milhares vão ficando extremamente miseráveis a ponto de ter que roubar pra ter alguma coisa.
    Parabéns, esse é o sistema que vocês defendem!!! \(^ o ^)/

    • Renata Lima permalink*
      01/11/2013 19:35

      “Agora querer investir em uma empresa de MMN em busca de uma oportunidade de mudar de vida é contra a lei kkkkkkk…….só rindo de vocês pra não chorar.”

      Certos tipos de “mmn” passam longe de serem “oportunidade de mudar de vida” LEGALMENTE.

      Por esta linha de raciocínio, você pode “Mudar de vida” entrando pro tráfico de drogas.

      Não ponha a culpa no mundo para justificar a opção por entrar em esquema camuflado. Até onde sei esta wcm está na mira do MP e é apenas mais uma da longa lista de esquemas de recrutamento.

      Os problemas do sistema brasileiro não justificam a proliferação de pirâmides, muito menos a defesa deste tipo de negócio em forum publico.

    • Brunp permalink
      01/11/2013 21:48

      É absolutamente inacreditável o seu post.
      Em resumo, pra ganhar dinheiro você defende qualquer negócio, lícito ou não, lesivo ou não, e está pouco se importando se isso significará ser cúmplice de um esquema que provocará um inevitável prejuízo para muita gente. Inevitável porque dinheiro não nasce em árvores e a matemática é uma ciência exata (lembra de progressão geométrica??).
      Se famílias perderão todas as suas economias para você e um punhado de “exxperrtos” ganharem uns trocados, isso será irrelevante e faz parte do jogo, é isso que entendi???
      Como escreveu a Renata, se o tráfico dá grana, por que não investir nele não é mesmo??
      Pra justificar (até mesmo para si) usa as velhas desculpas esfarrapadas de sessões de doutrinamento do MMN (governo, impostos, patrão, “sistema”, mundo injusto e corrupto, distribuição de renda, etc etc), que só demonstram a falta de argumentos sérios …Na boa, mas aqui neste blog essas lorotas não colam nem impressionam ninguém, meu caro. Até porque uma coisa errada não justifica outra.
      PS (1): O fato da Telexfree AINDA não ter sido fechada pelos órgãos do governo americano (Federal Trade Commision – FTC e Securities and Exchange Commision – SEC) não dá alvará para ela justificar o seu funcionamento aqui no Brasi. É apenas uma questão de tempo ela ser fechada nos EUA ou ser derrubada pelo esgotamento natural do esquema. Lá é muito mais rígido que aqui, ao contrário do que você imagina. As multas e cadeia são pra valer. Não duvido que alguns brasileiros sejam inclusive deportados dos EUA por essa razão..
      PS (2): WCM777: fechou seus escritórios nos EUA há aproximadamente 1 mês e zarpou de volta para Hong Kong. E agora está sendo alvo de investigação na Colômbia por ordem do próprio Presidente daquele país. Não me parecem notícias que incentivem alguém a colocar grana nessa “empresa”.
      PS(3): estude e se dedique a trabalhar com seriedade e dedicação em qualquer ramo que as coisas dão certo. Não existe almoço grátis, nem mesmo na internet.

    • Renata Lima permalink*
      02/11/2013 10:47

      “PS (2): WCM777: fechou seus escritórios nos EUA há aproximadamente 1 mês e zarpou de volta para Hong Kong. E agora está sendo alvo de investigação na Colômbia por ordem do próprio Presidente daquele país. Não me parecem notícias que incentivem alguém a colocar grana nessa “empresa”.”

      Sem contar, como eu já postei, o perfil das “lideranças” brasileiras.

  17. Ricardo permalink
    02/11/2013 2:33

    Renata Lima, acho que comparar MMN com tráfico de drogas já é apelação. Nunca vi ninguém morrer, matar, apontar arma na cabeça pra forçar a pessoa investir no MMN, pelo contrário as pessoas entram por livre e espontânea vontade, pois como disse cada um é livre pra investir seu dinheiro onde quiser. Concordo com você que existem empresas de MMN que não trabalham dentro da legalidade, mas a menos que você tenha provas concretas e reais de que a empresa é esquema camuflado, acho que não é certo acusar somente com suposições e análises superficiais e amadoras como vejo aqui. A WCM está na mira do MP? Ótimo, que eles provem que a empresa é ilegal, afinal é o trabalho deles (apesar de não confiar no MP e na “justiça” brasileira). Mas o que eu vejo é que essa perseguição sem limites só acontece aqui no Brasil, muitas dessas empresas trabalham livremente no exterior, geram renda, pagam impostos, contribuem para o crescimento do PIB ( Nos EUA por exemplo chega a 27% do PIB).
    Vocês generalizam e chamam o MMN como um todo de pirâmide, esquema camuflado e blá blá blá……então eu me pergunto:
    Será que o Robert Kiyosaki é criminoso? Donald Trump é traficante? Bill Clinton é estelionatário??? E muitos outros empresários de sucesso e respeitados lá fora que defendem o MMN estão enganando o mundo? Porque não foram presos? Sim, porque eu já estive no exterior e posso dizer com toda a certeza que lá fora as leis realmente funcionam, não é igual o Brasil, independente de ser rico ou pobre quem infringe as leis são realmente punidos. Mas engraçado né, essas pessoas que citei jamais tiveram problemas com as leis lá fora por defender o MMN, se fosse aqui no Brasil, talvez não fossem presos porque o dinheiro compra os homens da lei aqui, mas certamente seriam acusados pela “justiça” e por vocês de recrutadores de esquemas Ponzi, estou errado?
    Se o MMN é errado aos seus olhos, aos meus olhos considero o sistema brasileiro errado. Se a distribuição de renda feita por empresas de MMN não são corretas em sua análise, a distribuição de renda feita pelo governo, indústrias e tudo mais aqui no Brasil, são mais erradas ainda. Se fosse possível abrir um negócio próprio aqui, uma franquia ou qualquer loja física, com certeza já teria feito isso, mas não faço porque ninguém consegue pagar tantos impostos, arcar com despesas, correr risco de vida por falta de segurança, e levar um prejuízo milionário se o negócio quebrar. Isso sim desestabiliza famílias e levam ao fundo do poço. Com o MMN não corro esses riscos, principalmente de ficar com dívidas milionárias. A WCM por exemplo está pagando todos conforme a proposta da empresa, os serviços que ela disponibiliza estão funcionando bem, agora se mais pra frente a empresa sumir do mapa tenho certeza que os órgãos competentes certamente irão tomar as devidas providências no mundo inteiro onde a empresa está atuando, se bem que acho que o dono da empresa é muito burro pra tentar dar o golpe no mundo inteiro e achar que vai ficar impune, pelo contrário, vai ser perseguido nos 4 cantos da Terra. Ainda mais se tratando de uma pessoa conhecida, dono de várias empresas, trabalha no mercado financeiro com as principais bolsas de valores, tem que ser muito imbecil, mas pode acontecer né e se acontecer, eu não vou ficar quebrado como ficaria se fosse investir no tradicional que é muito mais arriscado e as chances de perder dinheiro são bem maiores.
    Você quer denunciar pirâmides? começa então pelas maiores que você também faz parte…..você trabalha pra alguém? vai verificar se seu patrão está pagando os impostos, se a empresa tem sustentabilidade, se está tudo dentro da lei………ou se trabalha por conta, então denuncia o governo que coleta nosso dinheiro e nos prometem benefícios em troca, os quais não temos e não vemos mas que deveriam existir pela lei que eles mesmos fizeram e não cumprem.
    Quando todas estas coisas estiverem funcionando bem como deve funcionar, aí vocês não vão precisar perder tempo em denunciar (ou caluniar) empresas de MMN, pois a lei que funciona com certeza irá coibir a ação de empresas ilegais. Acho que aqui tem muita hipocrisia, falácia e pouca atitude de pessoas que se dizem corretas mas por trás, vai saber a real intenção e caráter desses “blogueiros heróis” né!

    • Renata Lima permalink*
      02/11/2013 10:39

      “Renata Lima, acho que comparar MMN com tráfico de drogas já é apelação. Nunca vi ninguém morrer, matar, apontar arma na cabeça pra forçar a pessoa investir no MMN, pelo contrário as pessoas entram por livre e espontânea vontade, pois como disse cada um é livre pra investir seu dinheiro onde quiser.”

      No tráfico também, as pessoas entram por livre e espontânea vontade. Não comparei mmn com tráfico, fiz uma analogia entre duas atividades ILEGAIS – pirâmides financeiras e tráfico de drogas. Apelação é sua interpretação equivocada e rasa. E não, toda liberdade tem o limite de lei, se você investir seu dinheiro em esquema ILEGAL, sera responsabilizado. Este argumento “o dinheiro é meu e faço o que quiser” parece coisa de anarquista desarrazoado.

      “Concordo com você que existem empresas de MMN que não trabalham dentro da legalidade, mas a menos que você tenha provas concretas e reais de que a empresa é esquema camuflado, acho que não é certo acusar somente com suposições e análises superficiais e amadoras como vejo aqui. A WCM está na mira do MP? Ótimo, que eles provem que a empresa é ilegal, afinal é o trabalho deles (apesar de não confiar no MP e na “justiça” brasileira). Mas o que eu vejo é que essa perseguição sem limites só acontece aqui no Brasil, muitas dessas empresas trabalham livremente no exterior, geram renda, pagam impostos, contribuem para o crescimento do PIB ( Nos EUA por exemplo chega a 27% do PIB).”

      Onde está superficialidade aqui???? O que o blog noticia são FATOS, acorda. Qualificar o que o blog noticia como “perseguição” é, no mínimo, burrice. Assim como é uma IMENSA burrice propagar esta BALELA do PIB. Leia nossa FAQ, o mmn nunca movimentou 27% do PIB, você não sabe o que é PIB e você não checa informação que recebe. Por aí, vê-se bem quem é superficial e desinformado.

      “Vocês generalizam e chamam o MMN como um todo de pirâmide, esquema camuflado e lá blá blá……então eu me pergunto:
      Será que o Robert Kiyosaki é criminoso? Donald Trump é traficante? Bill Clinton é estelionatário??? E muitos outros empresários de sucesso e respeitados lá fora que defendem o MMN estão enganando o mundo? Porque não foram presos? Sim, porque eu já estive no exterior e posso dizer com toda a certeza que lá fora as leis realmente funcionam, não é igual o Brasil, independente de ser rico ou pobre quem infringe as leis são realmente punidos. Mas engraçado né, essas pessoas que citei jamais tiveram problemas com as leis lá fora por defender o MMN, se fosse aqui no Brasil, talvez não fossem presos porque o dinheiro compra os homens da lei aqui, mas certamente seriam acusados pela “justiça” e por vocês de recrutadores de esquemas Ponzi, estou errado?”

      Está tão errado que chega a dar pena ter que refutar tanta besteira. Me diga quais destes que endossam mmn foram DISTRIBUIDORES ou DIVULGADORES de empresas. Criminosos são os idealizadores de esquemas Ponzi (nenhum deles foi…) ou participantes conscientes de esquemas lesivos (na tal wcm vc vai achar uma liderança ÓTIMA, formada por ex participante de my travel, dreams and gold, telexfree, TODAS Ponzi). Um ganha dinheiro escrevendo sobre mmn, outro montou uma empresa (que já quebrou), o outro endossa o modelo de negócio (mas NUNCA participou). Vá perguntar pra algum deles como foi a experiência numa empresa, como distribuidor. NENHNUM FEZ FORTUNA COM MMN, diretamente. Querer comparar o kiyosaki com um líder de bbom por exemplo é ridículo.

      “Se o MMN é errado aos seus olhos, aos meus olhos considero o sistema brasileiro errado. Se a distribuição de renda feita por empresas de MMN não são corretas em sua análise, a distribuição de renda feita pelo governo, indústrias e tudo mais aqui no Brasil, são mais erradas ainda. Se fosse possível abrir um negócio próprio aqui, uma franquia ou qualquer loja física, com certeza já teria feito isso, mas não faço porque ninguém consegue pagar tantos impostos, arcar com despesas, correr risco de vida por falta de segurança, e levar um prejuízo milionário se o negócio quebrar. Isso sim desestabiliza famílias e levam ao fundo do poço. Com o MMN não corro esses riscos, principalmente de ficar com dívidas milionárias. A WCM por exemplo está pagando todos conforme a proposta da empresa, os serviços que ela disponibiliza estão funcionando bem, agora se mais pra frente a empresa sumir do mapa tenho certeza que os órgãos competentes certamente irão tomar as devidas providências no mundo inteiro onde a empresa está atuando, se bem que acho que o dono da empresa é muito burro pra tentar dar o golpe no mundo inteiro e achar que vai ficar impune, pelo contrário, vai ser perseguido nos 4 cantos da Terra. Ainda mais se tratando de uma pessoa conhecida, dono de várias empresas, trabalha no mercado financeiro com as principais bolsas de valores, tem que ser muito imbecil, mas pode acontecer né e se acontecer, eu não vou ficar quebrado como ficaria se fosse investir no tradicional que é muito mais arriscado e as chances de perder dinheiro são bem maiores.”

      Nenhuma estatística de perda é maior do que no mmn. MMN só perde pra jogos de azar. Este argumento de “está pagando todos” não se sustenta. Pirâmide paga até quebrar ou ser estourada pela justiça.

      De todo modo, um erro não justifica outro, você não tem o direito de defender pirâmide invocando outro tipo de problema brasileiro. Não importa o que as coisas são “aos meus olhos”. Importam fatos, numeros, leis. O que eu ou você pensamos a respeito, pouco importa numa realidade global. De novo, o blog não trabalha com achismos, só com fatos.

      “Você quer denunciar pirâmides? começa então pelas maiores que você também faz parte…..você trabalha pra alguém? vai verificar se seu patrão está pagando os impostos, se a empresa tem sustentabilidade, se está tudo dentro da lei………ou se trabalha por conta, então denuncia o governo que coleta nosso dinheiro e nos prometem benefícios em troca, os quais não temos e não vemos mas que deveriam existir pela lei que eles mesmos fizeram e não cumprem.”

      Não quero denunciar…o blog já denunciou alguns esquemas sim e alguns foram bloqueados judicialmente. Se VOCÊ acha o governo um lixo, faça VOCÊ alguma coisa. Toma vergonha nesta cara, para de repassar dado mentiroso (pib) e ajude a consertar o país ao invés de aderir a esquemas obscuros de recrutamento de pessoas.

      “Quando todas estas coisas estiverem funcionando bem como deve funcionar, aí vocês não vão precisar perder tempo em denunciar (ou caluniar) empresas de MMN, pois a lei que funciona com certeza irá coibir a ação de empresas ilegais. Acho que aqui tem muita hipocrisia, falácia e pouca atitude de pessoas que se dizem corretas mas por trás, vai saber a real intenção e caráter desses “blogueiros heróis” né!”

      Te DESAFIO a me mostrar onde tem calúnia aqui. Hipocrisia é quem espalha que mmn representa mais de 20% do PIB norte Americano e não traz NENHUMA informação sobre a necessária legalidade do negócio que a tal wcm (que “paga” direito) propõe.

      Mas numa coisa, concordo…esquemas como telexfree, bbom e wcm JAMAIS sustentariam-se nos EUA (por exemplo), da forma como agem no brasil – a zeek durou o suficiente para prejudicar alguns e ser SUMARIAMENTE fechada, pra não mais voltar.

      Eu também acho que deveria haver mais rigor por aqui. O que o tal mmn virou no brasil é uma PALHAÇADA. Além de lesivos e ilegais, estes negócios têm formado verdadeiros papagaios que nada sabem (ou fingem nada saber) sobre o mundo negocial e saem por aí propagando mentiras e falácias, dizendo que o brasil é um lixo, como se a corrupção pudesse justificar a existência de tantas pirâmides financeiras.

      Btw, não pensa em arrumar um trabalho DE VERDADE???? Abra um negócio, você terá o dobro de chance de dar-se bem. Não precisa de patrão, já que você o “sistema” como um monstro, faça sua parte. Eu não tenho patrão, nunca participei de esquemas e ando bem satisfeita. Seu discurso anti “sistema” parece coisa de fracassado.

      Boa sorte. Encerro sua participação aqui, nem sei como deixei passar depois que li esta coisa grotesca do PIB. Mais do mesmo o blog dispensa.

      A

    • Renata Lima permalink*
      02/11/2013 10:50

      https://industriadadecepcao.wordpress.com/faq/#Q10

      Vou ter dar uma colher de chá. Leia sobre esta questão do PIB. Ninguem merece passar por palhaço em forum publico ao repassar este dado inverídico.

  18. Ricardo permalink
    02/11/2013 17:29

    Renata Lima e Sr. ou Sra. Brunp,nem precisa colocar meu post, apenas leia e depois delete. Eu não tenho que te provar nada, a empresa WCM não é minha, sou mais um participante como milhares que entrou por livre e espontânea vontade assumindo um risco que sei que existe, mas estou muito satisfeito e ganhando dinheiro, e as únicas pessoas que vejo reclamar do negócio são pessoas como vocês que estão de fora assistindo e colocando defeitos……. pergunta pra qualquer pessoa que está na WCM se está insatisfeita? Talvez em cem mil pessoas você encontre uma.
    NÃO PRECISO trabalhar como EMPREGADO, graças à Deus e ao meu esforço de quando trabalhei duro no exterior (Japão) onde as leis funcionam, o salário e a condição de vida oferecida pelo governo é justa, tenho propriedades alugadas que já garantem meu sustento e o MMN só está acrescentando na minha vida, então posso dizer com orgulho que o FRACASSO passou longe de mim.
    O princípio básico do MMN é vender ou consumir um produto ou serviço que te traga o benefício que você espera e depois indica pra outra pessoa que também se interesse pelo produto ou serviço ( lembrando que ninguém é obrigado a comprar ou investir), e assim ganha-se uma % da movimentação desse consumo da rede, a empresa tira sua parte e paga seus divulgadores ao invés de pagar pra fazer propagandas, afinal é comprovado que o marketing de relacionamento é a melhor propaganda que existe.
    Onde está o crime nesse trabalho? O crime existe se os administradores da empresa não fazem a distribuição correta dos ganhos concordam comigo? Mas nesse caso a culpa não é dos consumidores, distribuidores e divulgadores da empresa como vocês fazem parecer aqui, mas de um ou outro espertalhão na gestão que infelizmente existe em TODOS os ramos de atividades laborais possíveis e imagináveis.
    Não abro comércio ou coisa parecida, porque NO MEU PONTO DE VISTA ao contrário do que você disse, o risco de ter um prejuízo milionário é bem maior do que investir no MMN. Tanto que a estatística que o SEBRAE mostra é de que 25% das empresas fecham ainda no 1º ano de vida e quase 50% antes dos 3 anos de vida e chega a quase 90% antes dos 10 anos. Então imagina, o pobre coitado do brasileiro muita das vezes não tem dinheiro nem pra comprar um carro usado e tem o sonho de mudar de vida, mas como vai investir pra montar um negócio próprio? Hoje pra você ter um negócio que te gere uma renda de 5 mil/mês LIVRE, a pessoa tem que investir no mínimo entre 50 a 100 mil reais, você acha que todos tem essa condição? Mas digamos que a pessoa dê um jeito arrume esse dinheiro, as chances de cair nessa triste estatística é muito grande e aí o prejuízo é enorme, nem se compara com possíveis prejuízos que venha a ter em empresas de vendas diretas e MMN. Tenho um amigo que tinha 2 farmácias, elas quebraram e ele teve um prejuízo de mais de 300 mil reais, o mesmo investiu no MMN menos mil reais e em apenas 1 ano e pagou toda a dívida com os ganhos que ele teve.
    A realidade é essa, milhares de brasileiros hoje querem entrar em empresas de MMN pois é a melhor forma de realizar seus sonhos de forma mais rápida que o tradicional e sem ter que investir muito, já que o governo não dá a mínima chance para isso e quer que o povo sobreviva e fique satisfeito com 700 reais/mês, absurdo.

    Brunp! já estudei, já trabalhei muito para os outros mas felizmente não preciso mais, já alcancei o que preciso, se a WCM falir não vai me fazer falta, não dependo só do MMN, mas é uma aposta que fiz e que está dando certo pra mim e como não se mexe em time que está ganhando vou continuar assim.
    Como profissional de MMN jamais vou aconselhar uma pessoa a investir tudo o que tem nesse ramo porque melhor do que ninguém eu conheço e falo para as pessoas sobre os riscos. Não faço como você insinuou que eu ganho em cima das famílias que investiram todas suas economias, isso que você fala pra mim é mais sensacionalismo barato.
    Se alguém quer investir tudo o que tem, essa pessoa é imprudente e irresponsável e pessoas assim não fazem parte da minha rede, pois com toda certeza vão prejudicar suas famílias, vão induzir outras pessoas a fazerem o mesmo que ele e indiretamente irá me prejudicar também, então eu seleciono com quem vou trabalhar. Existem pessoas de má intenção nesse meio? existe, mas não faço parte desse grupo como você pensa, você nem me conhece e está me julgando, isso demonstra um pouco do seu caráter (ou falta), coisa que dinheiro e estudo não dão para a pessoa.
    Duvido que vocês vão publicar isso, mas se for lido já está de bom tamanho…. não queiram ser os únicos donos da verdade porque as chances de quebrar a cara nesse caso são bem maiores.

    • Renata Lima permalink*
      03/11/2013 20:15

      “Renata Lima e Sr. ou Sra. Brunp,nem precisa colocar meu post, apenas leia e depois delete. Eu não tenho que te provar nada, a empresa WCM não é minha, sou mais um participante como milhares que entrou por livre e espontânea vontade assumindo um risco que sei que existe, mas estou muito satisfeito e ganhando dinheiro, e as únicas pessoas que vejo reclamar do negócio são pessoas como vocês que estão de fora assistindo e colocando defeitos……. pergunta pra qualquer pessoa que está na WCM se está insatisfeita? Talvez em cem mil pessoas você encontre uma.”

      Você está satisfeito num Ponzi??? Ganha o SEU dinheiro??? E depois vem dizer que o país é uma m****. Sua filosofia “o dinheiro é meu e estou satisfeito” apenas demonstra qual o nível dos endossadores desta ENXURRADA de esquemas Ponzi que assaltaram nosso país. Reitero…que a justiça venha e bloqueie TODOS estes esquemas, que pessoas CONSCIENTES sejam devidamente responsabilizadas, que percam TUDO e não fiquem por aqui apenas engordando estatística de pilantragem.

      “NÃO PRECISO trabalhar como EMPREGADO, graças à Deus e ao meu esforço de quando trabalhei duro no exterior (Japão) onde as leis funcionam, o salário e a condição de vida oferecida pelo governo é justa, tenho propriedades alugadas que já garantem meu sustento e o MMN só está acrescentando na minha vida, então posso dizer com orgulho que o FRACASSO passou longe de mim.”

      Aí é questão de opinião….quem tem condições e AINDA ASSIM investe em esquema de recrutamento, de duas uma 1) muita ganância e, ou 2) desinformação.

      QUALQUER pessoa esclarecida, ao deparar-se com a proposta da wcm vai saber que é recrutamento de pessoas, vai questionar a natureza deste trabalho.

      “O princípio básico do MMN é vender ou consumir um produto ou serviço que te traga o benefício que você espera e depois indica pra outra pessoa que também se interesse pelo produto ou serviço ( lembrando que ninguém é obrigado a comprar ou investir), e assim ganha-se uma % da movimentação desse consumo da rede, a empresa tira sua parte e paga seus divulgadores ao invés de pagar pra fazer propagandas, afinal é comprovado que o marketing de relacionamento é a melhor propaganda que existe.”

      Ninguem aqui é contra o CONCEITO do mmn.

      “Onde está o crime nesse trabalho? O crime existe se os administradores da empresa não fazem a distribuição correta dos ganhos concordam comigo? Mas nesse caso a culpa não é dos consumidores, distribuidores e divulgadores da empresa como vocês fazem parecer aqui, mas de um ou outro espertalhão na gestão que infelizmente existe em TODOS os ramos de atividades laborais possíveis e imagináveis.”

      Se alguém monta um negócio cujo lucro primordial vem de recrutamento de pessoas (ainda que haja produto ou serviço para camuflar), este negócio é PIRÂMIDE FINANCEIRA e tem empecilho legal para funcionar. Isto é simples. O resto é blablablá sem sustentação prática.

      “Não abro comércio ou coisa parecida, porque NO MEU PONTO DE VISTA ao contrário do que você disse, o risco de ter um prejuízo milionário é bem maior do que investir no MMN. Tanto que a estatística que o SEBRAE mostra é de que 25% das empresas fecham ainda no 1º ano de vida e quase 50% antes dos 3 anos de vida e chega a quase 90% antes dos 10 anos. Então imagina, o pobre coitado do brasileiro muita das vezes não tem dinheiro nem pra comprar um carro usado e tem o sonho de mudar de vida, mas como vai investir pra montar um negócio próprio? Hoje pra você ter um negócio que te gere uma renda de 5 mil/mês LIVRE, a pessoa tem que investir no mínimo entre 50 a 100 mil reais, você acha que todos tem essa condição? Mas digamos que a pessoa dê um jeito arrume esse dinheiro, as chances de cair nessa triste estatística é muito grande e aí o prejuízo é enorme, nem se compara com possíveis prejuízos que venha a ter em empresas de vendas diretas e MMN. Tenho um amigo que tinha 2 farmácias, elas quebraram e ele teve um prejuízo de mais de 300 mil reais, o mesmo investiu no MMN menos mil reais e em apenas 1 ano e pagou toda a dívida com os ganhos que ele teve.
      A realidade é essa, milhares de brasileiros hoje querem entrar em empresas de MMN pois é a melhor forma de realizar seus sonhos de forma mais rápida que o tradicional e sem ter que investir muito, já que o governo não dá a mínima chance para isso e quer que o povo sobreviva e fique satisfeito com 700 reais/mês, absurdo.”

      Ah, tá. Então porquê há chances de insucesso no Mercado tradicional, as pessoas entram pros ponzis. Deixa de ser IRRESPONSÁVEL, olha a propaganda do que você faz, você aponta dedo pra tudo pra justificar esquema Ponzi. Não tem vergonha não?????????????

      “Brunp! já estudei, já trabalhei muito para os outros mas felizmente não preciso mais, já alcancei o que preciso, se a WCM falir não vai me fazer falta, não dependo só do MMN, mas é uma aposta que fiz e que está dando certo pra mim e como não se mexe em time que está ganhando vou continuar assim.
      Como profissional de MMN jamais vou aconselhar uma pessoa a investir tudo o que tem nesse ramo porque melhor do que ninguém eu conheço e falo para as pessoas sobre os riscos. Não faço como você insinuou que eu ganho em cima das famílias que investiram todas suas economias, isso que você fala pra mim é mais sensacionalismo barato.”

      MMN não forma “profissionais”. Forma RECRUTADORES, muitas vezes capazes de qualquer argumentos pra formar rede. Se você falasse sobre os riscos do Ponzi eu DUVIDO que sua rede teria mais do que uma pessoa (você).

      “Se alguém quer investir tudo o que tem, essa pessoa é imprudente e irresponsável e pessoas assim não fazem parte da minha rede, pois com toda certeza vão prejudicar suas famílias, vão induzir outras pessoas a fazerem o mesmo que ele e indiretamente irá me prejudicar também, então eu seleciono com quem vou trabalhar. Existem pessoas de má intenção nesse meio? existe, mas não faço parte desse grupo como você pensa, você nem me conhece e está me julgando, isso demonstra um pouco do seu caráter (ou falta), coisa que dinheiro e estudo não dão para a pessoa.
      Duvido que vocês vão publicar isso, mas se for lido já está de bom tamanho…. não queiram ser os únicos donos da verdade porque as chances de quebrar a cara nesse caso são bem maiores.”

      Publiquei sim e não vejo o momento desta wcm saturar, ser estourada, como ocorre em TODOS os esquemas, cedo ou tarde. Nunca é tarde para por a mão na consciência e voltar atrás. Temos problemas demais para termos que lidar com tantos prejuízos causados por este “novo” mmn.

  19. Ricardo permalink
    02/11/2013 20:45

    Defensores de esquema governamental de 3º mundo corrupto e podre. Está satisfeita com seu governo é? não quer denunciar né? Será que por acaso você faz parte dessa podridão também? Ou só pensa no seu bem estar e o resto que se f…..Dizer que está muito satisfeita é ser conivente com a corrupção. Está contente com desvio de verba pública? está satisfeita com a saúde pública que não funciona? com a segurança que não existe? com a educação precária? com a fome e a miséria? Está contente com o mensalão? Está contente em morar no país que mais cobra impostos no mundo? Esta contente com os estádios da copa do mundo? Está satisfeita com a alta taxa de desemprego? está satisfeita com a inflação? Está satisfeita com as leis furadas que só pune ladrão de galinha? Está satisfeita em andar com medo nas ruas?
    Eu morei em um país que onde é totalmente o oposto disso então é claro e natural de uma pessoa sensata estar revoltado com esta merda de Brasil onde nada funciona, nada é justo, não existe oportunidades e ainda existem pessoas falam em justiça mas não olham para o próprio rabo e não enxergam ou não querem enxergar o lixo que está a sua volta. Quer mandar o vizinho recolher o lixo dele mas não recolhe seu próprio lixo. Parabéns, vocês merecem este país mesmo, do jeito que está.
    Então façam isso, continuem na busca incessante de acabar com o MMN (se é que vão conseguir), e aí finalmente vão morar em um país perfeito e sem problemas, afinal pela visão da nossa querida Renatinha, o único problema que a incomoda são as pirâmides, com o resto ela está satisfeita. Eu vou voltar para o 1º mundo ano que vem pra nunca mais pisar aqui nessa terra de ninguém.
    Até nunca mais!

    • Renata Lima permalink*
      03/11/2013 11:56

      “Eu morei em um país que onde é totalmente o oposto disso então é claro e natural de uma pessoa sensata estar revoltado com esta merda de Brasil onde nada funciona, nada é justo, não existe oportunidades e ainda existem pessoas falam em justiça mas não olham para o próprio rabo e não enxergam ou não querem enxergar o lixo que está a sua volta. Quer mandar o vizinho recolher o lixo dele mas não recolhe seu próprio lixo. Parabéns, vocês merecem este país mesmo, do jeito que está.”

      Merecemos, mas não merecemos faraós sem vergonha que não tem competência para terem sucesso de forma tradicional, o velho “acordar e trabalhar”. Se acha que participar de esquemas de quinta é uma alternativa pros nossos problemas, por quê raios não VAZA daqui e vai pra outro canto??? Santa inutilidade, acha tudo uma porcaria e faz o quê??? ENTRA NUM PONZI. Parabéns, mentalidade empreendedora e arrojada.

      “Então façam isso, continuem na busca incessante de acabar com o MMN (se é que vão conseguir), e aí finalmente vão morar em um país perfeito e sem problemas, afinal pela visão da nossa querida Renatinha, o único problema que a incomoda são as pirâmides, com o resto ela está satisfeita. Eu vou voltar para o 1º mundo ano que vem pra nunca mais pisar aqui nessa terra de ninguém.
      Até nunca mais!”

      Regulamentar mmn seria uma ótima. E extirpar da sociedade pessoas com a mentalidade como a sua seria outra ótima opção. Não sei onde você viu que exterminar mmn significa “morar em país perfeito”. MMN é apenas MAIS UMA das porcarias que precisamos eliminar.

      Eu teria vergonha de sair por aí recrutando gente pra esquema e teria mais vergonha ainda de vir publicamente alardear que ganha sei lá quanto(btw, eu DUVIDEODÓ que vc ganhe dinheiro neste esquema) em empresa que fechou nos eua, não tem representação aqui e propaga EXATAMENTE o modelo de negócios que tem sido sistematicamente bloqueado pela justiça.

      Vai lá espalhar que mmn movimenta mais de 20% do pib e continue fazendo este MARAVILHOSO trabalho de conscientização (brasil é uma m****logo faço mmn).

  20. Bruno permalink
    03/11/2013 23:09

    A Renata disse tudo e mais um pouco. Apenas 5 observações, Ricardo:
    1 – Já conheci gente como você, embriagada pelo doutrinamento martelado nas palestras desses esquemas. Os seus “argumentos” não passam de chavões usados nas apostilas e slides dessas palestras. Servem apenas para impressionar gente simplória e/ou gananciosos sem limites que buscam desesperadamente alguma desculpa para justificar o que fazem para si mesmos e para os outros;
    2 – Se o Brasil está uma m… não é MMN que será a solução. Nem de longe. Aliás, me parece que é mais um subproduto da m…e sobrevive e se alimenta justamente graças às deficiências do Estado;
    3 – Não preciso buscar “um extra” em esquemas mirabolantes nem tampouco repetir ou inventar dados fajutos (27% do PIB americano kkkkkkkkkkkkk) pra tentar convencer alguns incautos para eu ganhar uns trocados;
    4 – Trabalho numa ótima empresa, sou um profissional respeitado e ganho bem;
    5 – Tem um ditado antigo que diz: “Quem não tem competência não se estabelece”. Os latinos, incluindo os brasileiros, têm mania de culpar o “outro” (país, governo, político, vizinho, patrão, colega de trabalho, parente, satanás, imperialismo americano, CIA, Mossad, etc etc) pela sua preguiça, pela sua incapacidade, pelo seus próprios erros e pelos seus fracassos. Inventam um mundo paralelo e de conspirações para desviar o foco da realidade e tentar relativizar o que todos sabem que é errado, ilegal ou imoral.
    Ps: Boa viagem. Esperamos, de coração, que ela realmente seja só de ida. O primeiro mundo aguarda, ansioso, a sua presença.

  21. Ricardo permalink
    07/11/2013 16:17

    Olá novamente Renata e Bruno!
    Fiz uma longa análise sobre nosso debate, pesquisei e encontrei muita informação relevante aqui no blog, e ofensas pessoais a parte, acho que vocês tem mais razão do que eu.
    Apesar de estar ganhando dinheiro até o momento com a wcm confesso que não estou 100% confiante depois dessa notícia que ela deixou os EUA e com os rumores na Colômbia.
    Talvez seja mais uma pirâmide, não tenho certeza, e como não tenho essa certeza, resolvi parar de oferecer para outras pessoas.
    Ouvi dizer ontem que a justiça liberou parcialmente as atividades da Bbom, gostaria de ouvir a opinião de vocês sobre isso, saiu até na página do G1.
    Estava trabalhando com MMN há pouco mais de 1 ano e meio e como estava trazendo um lucro razoável pra mim, realmente estava muito empolgado, porém muitas dessas empresas tiveram suas atividades suspensas nos últimos meses, a wcm fez seu lançamento oficial em Hong Kong dia 5/11 mas agora estou meio em dúvida e como disse resolvi parar com a divulgação. Eu vou pausar minhas atividades de MMN e esperar pra ver o que acontece com essas empresas que estão sendo investigadas, se forem fechadas definitivamente e ficar comprovado que não são sustentáveis, também irei abandonar o barco de vez. Um dos casos que estou aguardando o resultado final é o caso Telexfree que será julgado se não estou enganado no próximo dia 14.
    Atualmente estou trabalhando também com importação de produtos diversos, é um negócio que posso administrar de qualquer lugar do planeta e um dos motivos de ir definitivamente para o Japão é para poder fechar negócio com os melhores fornecedores da Ásia e ser intermediário entre esses fornecedores e as lojas físicas do Brasil. Essa foi a melhor maneira que encontrei para trabalhar como empreendedor pois realmente não aprovo e não recomendo a ideia de investir em qualquer negócio aqui no Brasil que precise de espaço físico e contratar funcionários, pra mim não vale a pena.
    Após toda essa análise que fiz, volto atrás em algumas coisas que escrevi aqui e que pensava estar certo em relação ao MMN, pois não me considero o dono da verdade e tenho humildade o bastante para reconhecer quando cometo um erro. Pensei que estava agindo certo com as pessoas mas talvez tenha me equivocado. Vou continuar analisando o assunto MMN e buscando mais informações.
    Sucesso pra vocês!

    • Renata Lima permalink*
      07/11/2013 21:15

      Sobre BBOM, segue trecho da notícia da liberação…

      “A BBom, porém, não poderá funcionar da mesma maneira como no passado. O desembargador Reynaldo Fonseca, responsável pelo caso, liberou apenas duas das sete formas de remuneração aos associados, como são chamados os revendedores da empresa: o “bônus de vendas diretas” e o “bônus de início rápido”.

      O “bônus de comodato”, que garante lucro ao revendedor mesmo sem a garantia de venda do rastreador, continua bloqueado.

      Com isso, a BBom poderá, unicamente, fazer venda direta ao consumidor e pagar bonificações a revendedores pelas indicações de consumidores finais, informou o Ministério Público Federal em Goiás (MPF-GO), responsável pelas acusações.”

      Ou seja, a “forma” de ganhar dinheiro na BBOM (bonus de comodato) permanece proibida. Se você verificar os fóruns de discussão, constatará que os participantes estão indignados com a liberação parcial…porquê, Segundo eles, “ninguem entrou pra vender”. Então, rastreador para quê mesmo??? Pois é, para camuflar a natureza do negócio.

      A meu ver, a BBOM – como era praticada – acabou. Esta pirâmide não funcionará mais no pais. Se alguem quiser comprar rastreador (desnecessário pois tem que vir de fábrica), ok. A decisão põe uma pá de cal na empresa que deu muito dinheiro a alguns recrutadores.

      O Judiciário simplesmente mandou a BBOM operar como empresa de VENDA DIRETA, o que ela, definitivamente, NÃO É. E tanto não é que seus líderes já bandearam-se para a próxima melhor oportunidade do universo (outro Ponzi).

      Quanto a sua mudança de opinião, fico muito feliz por constatar que a informação chegou para uma pessoa que tem a cabeça aberta para aceitar o fato (ou melhor, a hipótese) de que há algo errado. Estas empresas de recrutamento são sim, esquemas Ponzi e a médio prazo – com ou sem intervenção do judiciário – irão “sumir”.

      Pode prestar atenção nesta WCM e aposto contigo que em um ano seus líderes estarão em outro esquema e ninguem mais falará sobre este negócio, isto claro, se a justiça não bloquear.

      Boa sorte e parabéns pela opção de não oferecer este negocio a ninguem…mais ainda por assumir isto, o que é raro (ao menos no blog).

      obs – se vale uma dica, preste atenção nas PESSOAS que participam de várias empresas. Via de regra, você encontrará as MESMAS em vários “melhores negócios do mundo” de mmn. Existem pilantras que são figurinhas carimbadas no “mmn” brasileiro. Onde elas estão, saiba que é questão de tempo pro negócio saturar e elas encherem os bolsos as custas de ganância e desinformação.

    • Fernando permalink*
      08/11/2013 15:48

      E com os acontecimentos relativos a essa onda de esquemas fica clara a natureza de quem deles participa. Aí impera a ética do umbigo: se a farinha é pouca, meu pirão primeiro. Inebriados pela POSSIBILIDADE de ganhar dinheiro, com uma leve consciência ou totalmente conscientes de sua natureza, não pensam ou não estão nem aí para as consequências que a permanência dessas vagabundagens na “praça” podem causar à comunidade. É…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: