Skip to content

Processo de ex-distribuidores contra a Herbalife nos Estados Unidos

08/06/2010

Tradução do artigo postado no Pyramid Scheme Alert, intitulado “Pyramid Scheme Charge Filed by High Level Ex-distributors”, de Robert FitzPatrick

.

Um juiz federal determinou que as acusações de ex-distribuidores do alto escalão da Herbalife, de que o marketing multinível (MMN) da Herbalife International é um esquema ilegal de pirâmide, são dignas de um julgamento. Um julgamento da legalidade da Herbalife é esperado para um futuro próximo.

A Herbalife solicitou que a acusação fosse indeferida. A decisão é um revés legal enorme para o MMN. O resultado pode ser devastador tanto para a Herbalife quanto para toda a indústria de MMN.

A Herbalife é uma das maiores e mais antigas empresas de MMN, um membro fiel da Associação de Vendas Diretas (Direct Selling Association). Se a Herbalife for considerada por um júri como um esquema de pirâmide, a maioria dos membros da DSA estaria em grave perigo legal.

Se existe um MMN que se ajusta perfeitamente à imagem de um “esquema de pirâmide baseado em produtos” é o marketing da Herbalife:

  • Despesas dos consumidores para aderirem ao plano de compensação da pirâmide Herbalife. Os distribuidores, que são recrutadores ativos e ao mesmo tempo consumidores, para se tornarem supervisores deverão comprar cerca de R$10.000,00 de produtos da empresa de uma só vez ou fazer 2500 pontos (R$6.250,00) em 2 meses consecutivos. A exigência de uma grande compra de produtos é o “investimento piramidal”.
  • Para recuperar os seus gastos, os novos recrutas são incitados a pagarem para expandir a pirâmide – em uma cadeia interminável. A única maneira viável para um supervisor “novo” ganhar dinheiro na Herbalife é recrutar novos supervisores. O recrutamento é a base do negócio piramidal da Herbalife.
  • A Herbalife paga mais para aqueles que recrutam mais. O plano de compensação paga sempre mais para aquele que está num degrau superior da hierarquia do sistema de distribuição da pirâmide, com o recrutamento contínuo sendo a única forma possível de ascensão.
  • O dinheiro é transferido da base da cadeia de distribuição para aqueles que estão no topo (os pioneiros). 85% de todas as comissões pagas pela Herbalife são transferidos para menos de 1% (0,76%) de seus distribuidores, que se encontram na parte superior da pirâmide.
  • Não há nenhuma “fonte de receitas externas.” A Herbalife possui um “sistema” fechado. Os seus vendedores são os únicos compradores e vendedores, e os preços são fixados pela Herbalife. Praticamente todo o dinheiro que a Herbalife paga em “comissões” vem das compras dos últimos distribuidores (distribuidores recrutados). Curiosamente, os relatórios de vendas dos produtos Herbalife apontam para pequena movimentação no varejo. O negócio é baseado na indução de gastos/compras dos distribuidores da base do sistema.
  • A pirâmide funciona em um estado de “contínuo colapso.” A cada ano, em virtude da grande rotação de distribuidores, a empresa reconstrói a base de sua cadeia de distribuição com os gastos de novos distribuidores (recrutas), ano após ano. Os novos recrutas estão condenados desde sua adesão ao plano de marketing da empresa.
  • 60% de todos os supervisores, depois de sofrerem perdas financeiras, saem do esquema a cada ano por terem “falhado”. 90% daqueles que não são supervisores (aqueles que fazem um menor investimento inicial, dentre eles os construtores de sucesso) encerram as atividades no horizonte máximo de um ano. Globalmente, 80% de todos os distribuidores da Herbalife saem do esquema a cada ano.
  • Os 88% dos distribuidores que pertencem à parte inferior da cadeia de distribuição não recebem sequer um centavo sobre todas as comissões pagas (bônus de recrutamento na primeira compra do distribuidor, royalties, bônus por fazer parte da liderança).
  • A faixa inferior da cadeia de distribuição (99,24%), no que tange às vendas de todos os distribuidores da Herbalife, auferem uma renda média de R$3,00 por semana, isso sem que todas as despesas comerciais e de compras de estoque tenham sido deduzidas. (Nota do autor: ou seja, na realidade os distribuidores PAGAM para trabalhar)

.

Leia também:

.

Entrevista com o especialista em fraudes do MMN – Jon Taylor

Entrevista com a especialista em fraudes do MMN – Tracy Coenen

A procura do MMN perfeito

O que está errado com o marketing multinível?

Sofismas e falácias dos distribuidores de MMN

Herbalife é atentado à saúde pública, alertam os nutricionistas

Herbalife, Agel, Amway: MMN legítimo ou MMN pirâmide?

Herbalife: lavagem cerebral na prática – parte 1

Herbalife: lavagem cerebral na prática – parte 2

Um olhar psicanalítico acerca de grupos de distribuidores das empresas de marketing de rede e de fiéis de várias instituições religiosas

Algumas relações entre supervisores e distribuidores da Herbalife

Herbalife conivente com a pilantragem de seus distribuidores

Teste para avaliar se uma empresa de MMN é ou não é pirâmide

Scripts para recrutar trouxas – parte 1

Scripts para recrutar trouxas – parte 2

Scripts para recrutar trouxas – parte 3

Scripts para recrutar trouxas – parte 4



16 Comentários leave one →
  1. Amigato permalink
    05/12/2010 23:39

    Interessantíssimo! Isso nos deixa a pensar…

  2. Eduardo permalink
    19/01/2011 16:36

    Prezados Senhores,

    Percebo que quase não há mais atualizações e nem mesmo comentários.
    Já li muitos artigos e comentários daqui. Mas quero propor uma nova análise e peço que ajudem no meu raciocício.

    Peguei o exemplo da Herbalife.
    Se a margem de lucro real (descontadas todas as despesas operacionais) é de, por exemplo, 30%, para ter um rendimento de R$300.000,00 ao ano (valor que eu acho que a pessoa pode a começar a dizer que é bem sucedida, mesmo assim seria difícil comprar mansões, porshes e viajar pelo mundo) a pessoa terá que vender no mínimo R$1.000.000,00 ao ano. É possível vender R$1.000.000,00 ao ano com esses produtos? Lembre-se de que se você tem R$300.000,00 de rendimento ao ano, terá que pagar por volta de R$80.000,00 de Imposto de Renda.
    Vamos supor que as famílias estejam dispostas a gastar R$3.600,00 ao ano (R$300,00 ao mês) com os produtos da Herbalife, então seriam necessárias 278 famílias (R$1.000.000,00 dividido por R$3.600,00) para conseguir vender R$1.000.000,00 ao ano. É claro que algumas famílias comprarão mais do que R$300,00 ao mês, porém outras comprarão menos que R$300,00 ou não comprarão nada. Mas vamos supor que todo mundo esteja fascinado pelos produtos dessa empresa e todos vão comprar.
    Vamos supor que uma determinada região possua 50.000 mil habitantes, ou, 12.500 famílias com quatro pessoas cada. Dividindo-se 12.500 famílias por 278 (que é a quantidade de famílias que um vendedor precisa atingir para ter o rendimento anual de R$300.000,00) teremos 45 vendedores que atingirão o patamar de lucro real de R$300.000,00. Quanto maior o número de vendedores na região, menor será a possibilidade de atingir a meta de venda.
    Ter o montante de R$1.000.000,00 em vendas não é nada fácil, ainda mais em produtos com valores agregados fragmentados. O produto tem que ser muito atrativo e o preço bastante razoável. E eu fui generoso em dizer que as pessoas vão gastar R$300,00 ao mês com os produtos da empresa. Para a família ter disponibilidade de gastar esse valor num só segmento de produtos, a renda líquida dessa família tem que girar em torno de R$2.000,00, ou seja e a família gastaria em torno de 15% da sua renda líquida apenas em produtos da Herbalife. Para checar a renda média da sua região entre no site do IBGE.
    Não tenho a pretensão de ser definitivo com o raciocínio mas esta é a conta que qualquer empresa faz antes de lançar um produto no mercado. Façam as suas contas, vamos refletir e debater com quem tem mais conhecimento prático do produto.

    • rodrigo permalink
      24/02/2011 15:53

      Eduardo o problema nao é o modelo de venda porta-a-porta e sim a ilusão dos royalties da piramide que faz o pobre cliente virar vendedor-usuario-modelo-garoto-propaganda de gratis. 50%dos brasileiros ganham até 1 salario minimo os outros ganham mais entao podemos afirmar que nao sera dificil vender 83k (276 clientes comprando 300 reais) em um mês no modelo porta-a-porta os pordutos da herbalife certo? pra mim quem conseguir esse fato esta no emprego errado pq os produtos não sao la essas coisas sendo que existe melhores e mais barato, quem procurar, achara [minha humilde opinião] no qual é apenas uma objeção facil de um vendedor de peixe vender o seu ganha-pão.

  3. ancelmoth permalink
    19/05/2011 0:11

    Essa empresa merecia ser processada e esses herbaloides fanaticos fazer uma terapia muito seria pra desmanchar o que essses seguidores de hitler fazem com essas pobres pessoas. eu quase cai nessa roubada, mas graças a esses foruns, sites de denuncia abri meus olhos. perdi so 400 reais, mas tem gente que ja perdeu muito mais que isso, e que sirva de lição a nao aceitar certos convites que irao “mudar sua vida”.

  4. 13/12/2011 22:35

    E quanto a monavie? É a mesma estrutura?

    • Fernando permalink*
      13/12/2011 23:00

      Parecida, com prejuízos grandes para seus distribuidores. Procure aqui no blog, sobre a Monavie que vc achará farto material a respeito.

  5. Reinaldo permalink
    25/06/2012 0:31

    Infelizmente cai neste que chamo de golpe legal, e faço parte dos 80% que saiu do negocio com um prejuízo muito grande sofro até hoje, meu nome está sujo e não sei se algum dia terei a graça de ter o meu nome limpo novamente, fui a uma reunião deles que é uma verdadeira lavagem cerebral fui induzido a fechar supervisão e dai pra frete foi só gasto, eles induzem a gente a manter uma aparência que não existe e você só vai afundando, o produto é um produto até muito bom, mas muito caro é um produto pra realidade dos Estados Unidos aqui se você não tiver um ciclo de conhecimento de media alta você esta condenado a ser um forte candidato a estar entre os 80% que não dão certo no negocio, como já disse o produto e muito bom, mas as pessoas que fazem o negocio querem subir de posição no marketing da empresa de qualquer jeito e não importam se para isso eles vão causar a ruína de quem quer que seja, durante o período que estava neste meio vi pessoas que não tinha a menor situação psicológica, financeira e intelectual sendo motivadas a entrar neste negocio até mesmo com dinheiro emprestado, isso também foi uma das causas que me levou a deixar o negocio, eu não conseguiria ficar com a consciências tranquila tendo que derrubar pessoas para subir em um plano de marketing tão cruel, até mesmo as reuniões são bancadas polos distribuidores você vive em função disso não tem tempo mais para a família pra Deus pra nada, tudo em nome de alcançar uma riqueza que pra quem está começando agora dificilmente alcançaram, pois tudo que você ganha vira gasto você acaba pagando pra trabalhar, por isso se há algum meio de conseguir processar estes caras eu to dentro.

    • soniamara permalink
      27/02/2013 13:53

      É dificil ler estes posts e não comentar. Tambem sou ex hbl falida com o nome sujo, que tambem fui levada a acreditar neste sistema. Como é bom ter este blog, para podermos desabafar, pois é muito dificil viver com esta culpa, 1° nos achamos perdedores, que fizemos algo errado no negocio, depois que percebemos a fraude nos culpamos pelas pessoas que trouxemos a este negocio… Se tiver como processar tambem to dentro.

    • Marcia Baptista da Silva permalink
      02/03/2015 14:31

      Também passei por isso. Pedi demissão de um bom emprego, “investi” meu FGTS em produtos para me tornar supervisora, e um ano depois nem emprego conseguia arrumar, pois estava com restrições no CPF. Sei que tenho responsabilidade sobre isso, pois me iludi e acreditei que poderia ganhar um dinheiro e ter uma qualidade de vida que jamais teria trabalhando. Mas não nasci para enganar nem explorar ninguém. Não sirvo pra essa empresa.

  6. 23/04/2013 19:05

    pura verdade me ferrei tbm, 40 mil de divida ano passado 2012…

  7. Renata permalink
    10/05/2013 9:40

    Olá, amigos. Sou distribuidor independente da Herbalife porém não pertenço ao Sistema. Depois de investir 40.000,00 estou tentando sobreviver com o que sobrou. Mantenho um EVS e sinto que o esquema do “Sistema” prejudica muito a sobrevivência de quem quer viver decentemente sem mentir e induzir ninguém. Como vimos em alguns posts os produtos são de ótima procedência e realmente fazem muito bem a saúde, comprovado por vários de meus clientes que reduziram colesterol, controlaram pressão alta e muitos sentindo o bem estar mudaram suas vidas e começaram a praticar atividades físicas e mudaram seus hábitos alimentares. Por esse motivo não desisti da Herbalife. Acredito que seja possível trabalhar de uma forma diferente visando o bem estar e saúde que o produto proporciona. Se você que leu meu post se identificou, deixe uma msg e vamos entrar em contato. Vamos nos unir e fazer um trabalho paralelo e diferente a essa pirâmide sem base sólida que em breve veremos desmoronar, pois como diz o velho ditado a mentira tem pernasn curtas e a verdade sempre aparece. Abraço.

    • Renata Lima permalink*
      10/05/2013 11:17

      “Como vimos em alguns posts os produtos são de ótima procedência e realmente fazem muito bem a saúde, comprovado por vários de meus clientes que reduziram colesterol, controlaram pressão alta e muitos sentindo o bem estar mudaram suas vidas e começaram a praticar atividades físicas e mudaram seus hábitos alimentares.”

      Desculpa, mas improcede sua afirmação. Muita gente depôs por aqui que herbalife não fez efeito e alguns passaram mal. Há alerta hepatológico. Então não, herbalife não faz muito bem a saúde de todos (a minha, por exemplo, herbalife não fez foi nada). Nem tudo é bom pra todos. Boa sorte!!!!

    • Juliano permalink
      21/07/2013 12:58

      é possível sim fazer dos produtos HBL um bom negocio, afinal o comercio tradicional é fundamentado em compra e venda, e assim deve ser com os produtos herbalife. o problema nao é a empresa e nem os lideres, o problema sao as pessoas que aderem ao sistema e crescem o olho achando que vao ficar ricas da noite para o dia, ja aconteceu comigo. a 12 anos atraz entrei neste negocio e por inesperiencia me deixei levar por desejos e sonhos e um estilo de vida que nao tinha nada a ver com a minha realidade da época, assim cheguei ao fundo do posso seis anos depois. porem com o que aprendi nesta empresa, fiz outros dois negocios e a experiencia passada fracassada, me fez uma pessoa bem sucedida ai na frente. agradeço a DEUS pelos problemas passados e enfrentados, pois creio que foi para meu crescimento, e hoje posso dizer que a honra e gloria é para DEUS e nao para uma empresa, pois por melhor que seja, é apenas um trabalho, uma ferramenta, e nao uma religiao ou a salvaçao do mundo. o meu desejo aos distribuidores herbalife é para que vivam de acordo com a realidade, sem fazer dividas para ostentar o que nao tem ou o que nao sao, e que tratem deste negocio como um negocio mesmo, onde o trabalho e a disciplina sejam seus alicerces, para assim obterem exito. sucesso a todos.

    • Renata Lima permalink*
      21/07/2013 15:29

      Não conheço NINGUEM que tenha feito dinheiro com apenas VENDA de produto de hbl, são MUITO caros. Os consumidores são os próprios distribuidores e a hbl já informou que nem sabe quanto vende pra fora da rede.

      Enfim, sobre a venda direta sem recrutamento o blog não tem nenhuma critica. Boa sorte e obrigada por participar.

  8. rogerio permalink
    15/07/2013 16:15

    comigo aconteceu a mesma, tenho raiva desta maldita empresa.Gostaria muito de processar estes filhas da p***.

  9. 06/06/2015 15:49

    Me chamo Beto, sou supervisor da Herbalife a quase um ano, agora em julho tenho que refazer minha qualificação.
    Investi quase 12.000,00, já vendi quase tudo, cadastrei apena uma pessoa que comprou 3.000,00 reais, recebi um cheque de 275,00 reais, essa pessoa já vendeu todos os seus produtos, cadastrou 2 pessoas que compraram uma 900,00 e outra 500,00 reais ela vai receber 2 cheque de 10% de cada compra e eu 2 cheque de 15%. Então estou satisfeito.
    Mais vale lembrar que é um negócio como qualquer outro. Trabalho da seguinte forma;
    não fiz dívida, faço cartões de visitas e em todos os lugares que eu vou deixo os cartões com telefone, sempre alguém me liga eu atendo e explico, se eu sentir firmeza eu vou e efetuo a venda, só vendo através de cartão de crédito, portanto não perco um só centavo. Mas não tenho nenhuma pretensão de ficar rico, não quero ter EVS, não participo de eventos os quais são muito caros. Sou aposentado, tenho minha renda garantida, então não me preocupo. Mais não engano nem iludo ninguém. Dá para ganhar dinheiro sim, tem que gostar de vendas e trabalhar muito. Com o tempo você faz uma clientela e como qualquer venda uns clientes param e outros começam e você tem que ser persistente. Eu não me arrependi de ter entrado, agora não se pode acreditar em contos de fadas ok. Boa sorte a todos e foi um prazer participar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: