Skip to content

Anvisa proíbe propaganda dos produtos Agel e dispõe a divulgar resolução especial

25/03/2008

Informamos em post anterior que a Anvisa proibiu a propaganda e comercialização dos produtos Agel antes dos respectivos registros.

Pois bem, parece-me que a determinação tem sido sistematicamente descumprida por parte de alguns integrantes da empresa.

Em recentes denúncias feitas em razão de propaganda ilegal dos produtos da Agel (veiculadas em diversos sites, no próprio orkut) a Anvisa assim pronunciou-se:

Procedimento 130394

Parecer Final: Informamos que os sites em questão foram analisados e foi sugerida autuação e abertura de processo administrativo. Ocorre que não foi possível identificar os responsáveis por todos os sites listados e por isso esta em fase de conclusão uma Resolução Especial para suspender toda e qualquer divulgação dos produtos em questão.

Atenciosamente,GERÊNCIA DE MONITORAMENTO E FISCALIZAÇÃO DE PROPAGANDA, DE PUBLICIDADE, DE PROMOÇÃO E DE INFORMAÇÃO DE PRODUTOS SUJEITOS À VS

Procedimento 134174

Parecer Final: Informamos que as providencias necessárias relativas ao produto AGELdentro da jurisdição da GPROP já foram tomadas (suspensão e autuação dos sites com divulgação), ocorre que o Orkut tem como domínio os Estados Unidos e por isso não é possível a retirada de seu conteúdo. Nosso núcleo de investigação está analisando a denuncia para que outras estratégias possam ser utilizadas de modo a inibir a pratica em questão. Atenciosamente,GERÊNCIA DE MONITORAMENTO E FISCALIZAÇÃO DE PROPAGANDA, DE PUBLICIDADE, DE PROMOÇÃO E DE INFORMAÇÃO DE PRODUTOS SUJEITOS À VS – GPROP/AnvisaSaiba mais sobre a Gerência, visite a página da GPROP e, em caso de dúvidas, consulte a seção de perguntas freqüentes(http://www.anvisa.gov.br/propaganda/index.htmhttp://www.anvisa.gov.br/divulga/faq/index.asp)

O volume de denúncias denota que, além dos colaboradores do blog, outros consumidores já foram alertados sobre a conduta ilegal de alguns integrantes da empresa.

Acompanharemos de perto a atuação da ANVISA no que tange ao registro destes produtos, assim como as estratégias a ser tomadas para que a determinação seja seguida a risca.

Além de sabermos que em Portugal a Agel é definida pela ASAE e DECO como esquema piramidal, ainda temos que deparar-nos com propaganda ilegal e irregular dos produtos, antes mesmo da entrada da empresa no Brasil. É muito descaso!

Se algum leitor verificar o descumprimento da determinação da Anvisa por parte de integrantes da AGEL (sites, orkut, enfim, qualquer tipo de propaganda) e quiser trazer ao nosso conhecimento, agradecemos!!!!

.

Leia também:

.

Entrevista com o especialista em fraudes do MMN – Jon Taylor

Entrevista com a especialista em fraudes do MMN – Tracy Coenen

Agel: outra nova Herbalife no mercado brasileiro?

Sofismas e falácias dos distribuidores de MMN

Herbalife, Agel Amway: MMN legítimo ou MMN pirâmide?

Um olhar psicanalítico acerca de grupos de distribuidores das empresas de marketing de rede e de fiéis de várias instituições religiosas

Intoxicação do fígado pela Herbalife

Teste para avaliar se uma empresa de MMN é ou não é pirâmide

Scripts para recrutar trouxas – parte 1

Scripts para recrutar trouxas – parte 2

Scripts para recrutar trouxas – parte 3

Scripts para recrutar trouxas – parte 4

10 Comentários
  1. 26/03/2008 9:10

    Acho interessante o facto de ainda não ter havido NENHUM COMUNICADO OFICIAL por parte da Agel referente a esta problemática.

    E no entanto continua circular a informação de que dentro de pouco tempo a Agel irá abrir portas no Brasil. Há inclusivamente quem já fale em Junho…

    Cumprimentos.

  2. Adriano permalink
    27/03/2008 9:07

    Há empresas sérias trabalhando com Marketing e empresas não sérias trabalhando com Marketing, infelizmente.

    As não sérias são aquelas que identificaram uma tendência dessa nossa nova era, um filão de mercado: “Os desesperados” ou “Despreparados”, aqueles que nunca fizeram um projeto de vida ou o fizeram muito mau feito, aqueles que são acomodados e ainda se submetem ao medo de trabalhar e ousar na vida. Conheço muita gente na minha cidade que ficou bem financeiramente seja como professor, empreendedor ou funcionário de uma empresa. Então o que acontece? Qual é a diferença? É um MMN ou um projeto de vida e um comprometimento com ele? Na própria HBL falam que se vc não tiver um objetivo bem forte vc não fará HBL. Lógico! Pra tudo na vida! Descobriram a roda.

  3. 27/03/2008 10:24

    Viva,

    “Há empresas sérias trabalhando com Marketing e empresas não sérias trabalhando com Marketing, infelizmente.”

    >>> Não quer apontar alguns nomes, Sr. Adriano, que é para todos percebermos EXACTAMENTE de que empresas está a falar?

    Isso assim lançado para o ar é muito vago.

    Cumprimentos.

  4. Jacilda Frota permalink
    01/04/2008 9:05

    Sou brasileira, advogada, moro em Portugal, conheço os produtos Agel, que aliás consumo e são excelentes, e NUNCA a ASAE, muito menos a DECO se pronunciou negativamente sobre a AGel. Pelo contrário, os produtos são registrados na ASAE e a prova de que não existe nehum esquema piramidal está no registro da empresa na Associação de Venda Direta. Vá a http://www.dsa.org e comprove o que estou lhe dizendo para que os leitores deste “blog” não sejam enganados por informações falsas. Não deixe a sua experiência pessoal envenenar a sua vida e daqueles que querem ganhar a vida honestamente. Este blog transmite raiva e muita frustração, sentimentos altamente negativos que o impelem apenas para baixo.

  5. renata24 permalink*
    02/04/2008 16:40

    ASAE e DECO pronunciaram-se sobre a Agel sim, em resposta a consultas feitas por um colaborador. Espero que as posições assumidas pelas duas entidades sejam veiculadas em foros com maior visibilidade do que este blog (que já anda cumprindo bem o papel).

    Além da ASAE e Deco, um dos maiores especialistas em mmn (Jon Taylor) afirma que a Agel é pirâmide.

    Sabemos que a indústria do mmn é forte, a ponto dos representantes do DSA poderem doar dinheiro a campanhas presidenciais nos EUA.
    Inclusive, foi por causa de um lobby do DSA que o Federal Trade Comission não conseguiu passar uma lei que obrigue as empresas de MMN de divulgar dados de ganhos médios por participantes, índices de desistência, etc….estranho, não?

    “Vá a http://www.dsa.org e comprove o que estou lhe dizendo para que os leitores deste “blog” não sejam enganados por informações falsas.”

    Sugiro a leitura da página abaixo para informar-se melhor sobre o DSA e o papel do mesmo em regulamentação de MMN (resumo: quanto menos leis a respeito do negócio, melhor)
    http://www.mlm-thetruth.com/law_enforcement.htm

    Parece-me que não tem conhecimento sobre a indústria de MMN (adendo: nosso objetivo extrapola a discussão sobre qualidade de produtos de qualquer empresa – combatemos o modelo de negócio).

    “Não deixe a sua experiência pessoal envenenar a sua vida e daqueles que querem ganhar a vida honestamente. Este blog transmite raiva e muita frustração, sentimentos altamente negativos que o impelem apenas para baixo.”

    Sou brasileira, advogada e muito me espanta a falta de bom senso que você mostrou com este comentário OFF post (que eu aprovei para deixar para todo mundo ler) e com ataque pessoal. Nada foi dito acerca da proibição da Anvisa e o sistemático descumprimento desta determinação por parte dos representantes da empresa aqui no Brasil.

    Nunca tive experiência pessoal com MMN, meu intuito é alertar consumidores.

    Se vier participar de novo, observe as regras para comentar, por favor.

  6. gap permalink
    02/04/2008 20:14

    Resposta à senhora Jacilda

    O Pedro Menard escreveu um artigo interessante sobre a DSA. Recomendo a leitura -> Artigo do Menard sobre a DSA

    A DSA é uma confraria. A Equinox, como apontado pelo Menard, era da DSA e foi fechada pela FTC por ser um esquema em pirâmide. Quer dizer, isso prova que ser da DSA não garante que a empresa não seja pirâmide.
    Parece a história da NYSE que o pessoal da Hbl vive falando, mas todo ano alguma empresa da NYSE aparece metida em maracutaia.
    DSA, ABEVD e um saco cheio de ar possuem o mesmo valor.
    Sem contar que, como vc afirma morar em Portugal, deveria levar em conta o que a ASAE/DECO acham sobre a Agel – ambas foram unânimes: Agel é pirâmide – e não o que uma instituição americana – de reputação duvidosa.
    Quem anda passando informações falsas é você, tentando esconder o fato da Agel ser pirâmide atrás da reputação QUESTIONÁVEL da DSA.
    A velha história “se é dos EUA, então é maravilhoso”. Aham, vão nessa.

  7. 02/04/2008 21:00

    Cara Jacilda Frota,

    Já vi que a Sra. é novata no assunto. Para além de novata, a Sra. foi bem enganada pelo esquema. Toda a sua mensagem aponta para esta conclusão. Ao menos está satisfeita com os produtos. Ainda bem. Dessa forma não lhe deve pesar tanto na carteira o preço exorbitante que eles custam.

    ——————–

    “NUNCA a ASAE, muito menos a DECO se pronunciou negativamente sobre a AGel”

    >>> “Nunca” é uma palavra muito forte, para mais quando é usada por alguém que não está na posse de toda a informação. A Sra., que é advogada, devia saber isso melhor que ninguém. Use um argumento desses em tribunal e a sua carreira fica terminada na hora.

    No meu blog encontrará não uma, mas duas respostas da ASAE a um conjunto de perguntas diferentes, bem como uma outra resposta da DECO acerca do mesmo assunto. Não caia no disparate de considerar que são coisas inventadas pela minha imaginação, como têm feito alguns colegas seus da Agel. Teria de ser muito estúpido para inventar documentos da ASAE e da DECO (para além de eventualmente colocar a minha cabela a prémio por parte das autoridades portuguesas).

    —————–

    ” Pelo contrário, os produtos são registrados na ASAE”

    >>> A ASAE recebeu as rotulagens em português dos produtos e emitiu uma notificação acerca das mesmas. Mais nada. Não sei em que é que essa notificação legitima o negócio da empresa. Se a Sra. quiser tentar uma explicação, somos todos ouvidos.

    ————-

    ” a prova de que não existe nehum esquema piramidal está no registro da empresa na Associação de Venda Direta. Vá a http://www.dsa.org e comprove o que estou lhe dizendo para que os leitores deste “blog” não sejam enganados por informações falsas.”

    >>>> A DSA, tal como a AGEL, é uma fraude!
    Já sei que não acredita em mim, ou que tem uma opinião diferente (até porque engoliu tudo aquilo que o marketing da Agel lhe disse), mas para verificar por sí própria aquilo que lhe estou a dizer, informe-se devidamente sobre o que é que significa “Venda Directa”. Depois volte cá e exponha a sua opinião.

    Por outro lado, não sei como é que a Sra. deposita uma fé cega numa entidade que não conhece de lado nenhum (a DSA). O que é que lhe garante que é uma associação honesta?

    Já agora, deixo-lhe um desafio: O que é que considera ser um negócio de “Vendas em Pirâmide”?

    É que todas as pessoas da Agel a quem eu faço esta pergunta ficam misteriosamente mudas de um momento para o outro. Nunca mais vêm aqui debater o assunto, ou então esquivam-se à pergunta. Até agora não obtive uma única resposta. Se a Sra. está assim tão certa que a Agel não é uma pirâmide, então é porque tem uma convicção concreta acerca do termo. Explique-nos, por favor.

    —————–

    “Não deixe a sua experiência pessoal envenenar a sua vida e daqueles que querem ganhar a vida honestamente.”

    >>> Com o devido respeito, acho que está a ver as coisas ao contrário. É a sua experiência que está a deturpar a suas noção dos acontecimentos. Acredito na sua honestidade (a sério, sem brincdeira), mas também acredito que a Sra. está/foi bem enganada acerca da realidade das coisas. Aceito que esteja a tentar ganhar a vida honestamente. O problema é que o negócio da Agel tem tudo menos honestidade. Quantas pessoas já recrutou para poder cobrir os seus custos?

    Cumprimentos.

  8. 03/04/2008 9:20

    Viva novamente,

    Acabei de encontrar um artigo interessantíssimo (e importantíssimo) acerca da DSA.

    O artigo critica pesadamente a ética profissonal da DSA, e engraçado é que o foi publicado pelo “Network Marketing Business Journal”, uma entidade jornalística que é assumidamente pro-MLM – é o jornal do meio, basicamente.

    O site:
    http://www.nmbj.com/

    O artigo:
    http://www.nmbj.com/resources/on-line/MLM_news/default.asp?ID=29

    A quantidade de denúncias feitas neste artigo (e nas cartas nele citadas) merecem uma leitura atenta e uma avaliação especial, que certamente constará no meu blog daqui a pouco tempo.

    Assim por alto: apenas 10% de todas as empresa de MLM nos E.U.A fazem parte da DSA. Daquelas que fazem parte, três ou quatro grandes companhias (não identificadas) contribuem com a maior parte do financiamento à DSA, e recebem em troca alguns previlégios exclusivos, entre eles hipótese de terem altos representantes no conselho de administração da Associação. Estes previlégios condicionam a actuação da companhia em benefício próprio dessas três ou quatro grandes.

    Se isto não é um lobby, então não sei o que é.

    Por alguma razão a Agel teve o “previlégio” de se furtar a um dos pontos essenciais do código de conduta da DSA (aqueles que eles dizem ser estritamente obrigatórios), e acho nem preciso de avançar os porquês…
    Entretanto o presidente da Agel foi convidado para fazer parte do Board of Directors da dita Associação. It’s a wonderfull world!

    Cumprimentos.

  9. vladimir nascimento permalink
    26/08/2008 19:08

    O que é lavagem cerebral? è você trabalhar horas e horas, dias e dias, meses e meses, ano , anos, anos, anos….. e ver que a realização de sonhos de consumo
    não se realizou e que não existe mais nenhuma oportunidade , a não a loteria, de conseguir alcançar algo mais e alguém lhe apresenta um plano , seja pirâmide ou não, em que as oportunidades são reais? Ninguém entra por obrigação, sempre é mostrado as formas de se adquirir o ” pacote” ,se assim preferirem, e como se explica que muitos conseguem? Acontece que quem acredita na oportunidade e trabalha para crescer dentro do exposto vai em frente e tem sim os resultados positivos. Agora, aqueles que não se envolvem com a dita ” LAVAGEM CEREBRAL “, se dirão sempre lesados e que as empresas não são o que dizem ser. É muito fácil jogar aos outros a culpa da sua incapacidade. Tenho dito !!!!!

  10. gap permalink
    31/08/2008 12:10

    O que é lavagem cerebral? è você trabalhar horas e horas, dias e dias, meses e meses, ano , anos, anos, anos….. e ver que a realização de sonhos de consumo
    não se realizou e que não existe mais nenhuma oportunidade

    o sonho americano de consumismo máximo não deixa de ser uma lavagem cerebral, vc está certo nesse ponto, mas o que discutimos aqui não é isso… se o MMN fosse realmente uma oportunidade de renda extra, no minimo, ele não estaria sendo criticado aqui. Do seu ponto de vista, as pessoas devem acreditar na ilusão do MMN, mesmo sabendo que isso é uma ilusão? Como que alguns conseguem? Quem fica no topo consegue, quem fica lá embaixo só paga as contas de quem está acima. Simples assim.

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: