Skip to content

AMWAY – Grupos de marketing que vendem somente sonhos

31/12/2007

Tradução do artigo “Marketing group merely ‘selling a dream’“, do Times Online. Obrigado ao Pedro Menard pela dica do artigo.

Grupos de marketing que vendem somente sonhos

Por David Brown

A subsidiária britânica de um dos maiores grupos de marketing do mundo foi acusada ontem de rompimento da lei de empresas, pelo fato de executar a “venda de sonhos”, ligada a uma riqueza inatingível.

Amway, o dito cujo grupo de marketing, que contava com 39.000 distribuidores na Inglaterra durante os anos de 2005-06 é “inerentemente repreensível”, pelo fato de operar como uma pirâmide e estar comercializando na ilegalidade, conforme relatado pelo Tribunal de Empresas.

Mark Cunningham, QC, em nome de John Hutton, o Secretário de Estado para Negócios, Empreendimentos e Reformas Regulatórias, contou para o tribunal que o Governo estava promovendo uma investigação de interesse público contra a AMWAY, com o intuito de trazer à tona suas práticas empresariais.

As alegações estão prejudicando seriamente o grupo internacional, que alega ter um volume de vendas mundial de 6.4 bilhões de dólares (3.2 bilhões de libras esterlinas), impulsionado por mais de três milhões de distribuidores.

A investigação do Governo revelou que apenas 10% dos distribuidores da Amway na Inglaterra conseguiam auferir algum lucro, com menos de um entre dez vendendo um único artigo dos produtos do grupo. Revela que a atividade principal da Amway está relacionada ao encorajamento para outras pessoas se unirem ao sistema (recrutamento), transformando-se em distribuidores, para pagarem a taxa de registro e comprarem materiais de marketing, necessários para quem deseja seguir o negócio “a sério”.

Mr Cunningham disse que a Amway atrai os distribuidores novos, conhecidos como Donos Empresariais Independentes (Independent Business Owners), oferecendo “recompensas financeiras significativas ou dinheiro fácil”. Ele disse que a promessa de riqueza era ilusória, significando “venda sonhos”.

O grupo AMWAY, que opera na Inglaterra desde 1973, alega que os distribuidores podem ganhar uma renda significativa ao vender sua gama de suplementos dietéticos, cosméticas, jóias e purificadores de água. Eles também oferecem bônus e gratificações para os distribuidores que recrutarem outros distribuidores. Porém, uma investigação feita pelo Departamento para Negócios, Empreendimentos e Reforma Regulatória mostra que somente 6% dos distribuidores que compraram produtos da Amway conseguiram revendê-los, informou a corte.

Mr Cunningham disse que a vasta maioria dos produtos oferecidos pela Amway a seus distribuidores foi sobrevalorizada antes mesmo deles somarem um adicional 20 a 25 por cento para ganho pessoal no varejo. “O preço elevado dos produtos explica alguns dos problemas mais sérios aos quais estão submetidos os ‘investimentos’ dos distribuidores”, disse Mr Cunningham..

Os distribuidores eram encorajados a comprar instruções contidas em ‘cartilhas’, tais como cultivar e fazer crescer seus negócios e aprender a atrair para a rede novos distribuidores. O material continha imagens de sucesso como carros de luxo, iates e feriados em terras estrangeiros.

Mr Cunningham contou ao tribunal: “O argumento apelando para recompensas significativas e dinheiro fácil foi expresso a todo o momento, e de resto, mais ilusão”.

A investigação descobriu que 71% dos distribuidores não auferiram nenhum rendimento trabalhando para a Amway no ano 2005-06, e que 90% tinham incorrido em perdas depois de pagar a taxa de £18 libras esterlinas para renovar sua inscrição. Na realidade, somente 101 dos 39.000 distribuidores ingleses abocanharam 75% dos bônus e das gratificações.

“A realidade de Distribuidor Empresário Independente é que uma maioria significativa obtém rendimentos financeiros mínimos”, disse Mr Cunningham. “Nosso caso é alicerçado na venda de sonhos em uma mão e a perda ou retorno financeiro mínimo na outra mão”.

Mr Cunningham contou ao tribunal que a Amway opera um “esquema sórdido”, que encoraja os agentes a recrutarem a família, amigos e colegas para seu grupo, de forma que juntos eles seriam um “grupo muito estreito que pode ganhar qualquer dinheiro que queira”.

Ele disse que o esquema da Amway tem como estratégia mirar os tipos “crédulo”, “iludido” e “vulnerável”, visando uni-los ao esquema, e ainda acusa o grupo de vender somente sonhos.

“A Amway apresenta-se para ser vida em processo de mudança e vida em contínuo melhoramento – desde que você escolha participar do esquema”, informou Mr Cunningham ao tribunal. “Aos milhões de aspirantes à idéia de mudar de vida, da idéia de que este é um negócio de sucesso global, nós mostraremos que se trata do contrário”.

Uma apresentação de marketing proposta pela Amway ofereceu a oportunidade para a obtenção de um “rendimento secundário pequeno” ou um rendimento que colocaria o distribuidor no Top dos 2% ganhadores de dinheiro”. Acrescenta-se a isso que tal dinheiro “está sendo conseguido ao mesmo tempo que se estuda o negócio com intensidade”.

Porém, os próprios registros da Amway mostraram que somente Trevor e Jackie Lowe, e Jerry e Mandy Scriven, entre seus distribuidores, ganharam mais que as £78,000 libras exigidas para os colocar no Top dos 2% ganhadores de dinheiro, foi informado o tribunal. Os registros mostraram que leva-se por volta de 14 anos, pelo menos, para se chegar no top 20 (20%). Os “novos felizardos” pertencentes ao top 12 (12%), desde 2001, ganharam em média somente £164 libras por semana, disse Mr Cunningham. Uma olhada rápida nos registros da Amway mostrou que dos 25.000 distribuidores que operavam naquele momento, só 37 auferiram mais que £25.000 libras por ano.

A Amway replicou, dizendo que mudou este modelo empresarial substancialmente desde que o departamento impetrou um requerimento contra a companhia em abril. Richard De Vos, que fundou o grupo nos Estados Unidos em 1959, possui uma fortuna pessoal calculada de US$ 3.6 bilhões.

Números sobre a AMWAY

39.000 distribuidores que trabalham para a Amway.

27.000 (71%) não obteve nenhum rendimento.

11.410 (30%) ganhou alguma coisa.

7.492 (dos 11.410) recebeu uma média de £13.53 libras por ano.

101 distribuidores receberam 75% de gratificações e bônus.

£116K (milhões) pagos ao distribuidor top Trevor Lowe

26 é o número de anos que Mr Lowe é distribuidor.

Fonte: Evidência de empresas sob audiência judicial.

Abaixo segue tradução dos comentários da noticia

Como resultado direto da investigação da BERR, ‘a Amway REINO UNIDO’ anunciou cortar preços em vários de seus ‘bons produtos de valor exclusivo’ para os levar a níveis comparados aos produtos distribuídos pelo sistema de varejo tradicional. A redução média foi de aproximadamente 350%. Eu repetirei esse dado, para que os leitores não pensem que essa informação é um engano: 350%. A pessoa que assina por ‘David de Londres’, um distribuidor pró-Amway, queria nos fazer acreditar que era ‘inteligente’ assinar o cadastro de distribuição da Amway para comprar produtos que ele poderia adquirir pelo preço 5 vezes menor no supermercado local. A frase que traz consigo um pensamento boçal, intitulada ‘anti-Amway obsessivo’, é um termo padrão cunhado e utilizado pelos promotores da Amway para denegrir e desumanizar todos os indivíduos que a essa organização não pertencem e que a criticam, com o objetivo de retirarem do distribuidor o livre-pensamento, aquele que desafia a autenticidade do mito da AMWAY. ‘A arma mais poderosa nas mãos do opressor é a mente do oprimido’. A quantidade de evidências demonstra que o ‘David de Londres’ está negando a realidade em nome de seu ego. Os comentários pessoais dele são difamatórios.

David Brear, Paris, França.

Nos anos recentes, o crítico americano mais corajoso do mito da Amway foi Eric Scheibeler (auditor federal). Eric passou 10 anos como seguidor da Amway, subindo a um nível em que ele tinha 2000 recrutas embaixo dele na pirâmide. Quando Eric confrontou-se, finamente, com a realidade externa, ele percebeu que tinha perdido $100.000 e tinha passado US$ 4 milhões, pelo menos, a seus líderes. A maioria deste dinheiro veio da venda de livros, fitas, ingressos para reuniões etc, com o pretexto de que estes continham os ‘segredos do sucesso’. Eric, todavia, era firmemente retratado pela propaganda da Amway como um ser ‘próspero, feliz e livre’. Ele reconhece agora que era um escravo de fato, e que até pensou em suicídio quando percebeu que tinha sido explorado. A história de Eric está contida no livro ‘Merchants of Deception‘. Esse livro pode ser encontrado para download gratuito na Internet. Como eu, Eric foi sistematicamente denegrido e desumanizado por ousar desafiar a autenticidade do mito da Amway.

David Brear, Paris.

.

Leia também:

Amway Concorda em Pagar U$55 Milhões a Ex-Distribuidores

Entrevista com o especialista em fraudes do MMN – Jon Taylor

Entrevista com a especialista em fraudes do MMN – Tracy Coenen

Sofismas e falácias dos distribuidores de MMN

Herbalife, Agel Amway: MMN legítimo ou MMN pirâmide?

Herbalife: lavagem cerebral na prática – parte 1

Herbalife: lavagem cerebral na prática – parte 2

Um olhar psicanalítico acerca de grupos de distribuidores das empresas de marketing de rede e de fiéis de várias instituições religiosas

Algumas relações entre supervisores e distribuidores da Herbalife

Monavie: Os números de um bom negócio?

Teste para avaliar se uma empresa de MMN é ou não é pirâmide

Scripts para recrutar trouxas – parte 1

Scripts para recrutar trouxas – parte 2

Scripts para recrutar trouxas – parte 3

Scripts para recrutar trouxas – parte 4

Agel: outra nova Herbalife no mercado brasileiro?

13 Comentários leave one →
  1. 02/01/2008 14:24

    Viva,

    Óptima iniciativa, esta vossa tradução.

    A gigante Amway começa finalmente a tremer. O que eu gosto mais neste processo do governo inglês é a perspectiva por onde eles pegaram na fraude: usam dados concretos daquilo que se está a passar na realidade, no terreno. Servem-se de provas que realmente interessam para alguma coisa – os dados matemáticos. Ao analisarem os números relativos aos rendimentos de todos os envolvidos no negócio, chegam facilmente à conclusão de que é desonesto. Tal como o título do artigo refere, a Amway é acusada de andar a “vender sonhos” – algo implicitamente ligado ao funcionamento de um esquema em pirâmide, com uma pequena maioria de topo a ganhar a quase totalidade dos lucros, e os de baixo, impelidos pela vertigem fácil do dinheiro, sempre em situação de prejuizo.

    Resta saber como vai terminar este caso, que consequêncis terá para a Amway, e que consequências terá para o MLM no Reino Unido – era bom que estabelecesse um precedente legal. Através deste caso, muitos outos poderiam ser analisados e denunciados, a começar pela Agel.

    Ainda me baralha o facto de uma empresa destas conseguir estar tanto tempo no activo, já vai em três ou quatro décadas – conseguindo evitar inúmeros processo legais, resistindo à vigilância cada vez mais apertada da Federal Trade Comission nos E.U.A., e ainda construindo uma reputação respeitável em certos países onde impera o laxismo e a ignorância geral da população (Portugal incluido).

    Cumprimentos,

    Pedro Menard

  2. augustohf permalink*
    23/06/2008 18:40

    Bom, dando uma passada no assunto, num primeiro momento juiz britânico indeferiu o processo contra a AMWAY. A empresa se comprometeu a não cobrar taxas de entrada e de manutenção para seus distribuidores, além de instaurar várias regras para impedir que distribuidores não mintam sobre seus ganhos.

    http://business.timesonline.co.uk/tol/business/industry_sectors/consumer_goods/article3934585.ece

    Mas não parou por aí: o Governo britânico recorreu desta decisão.

    “U.K. GOVERNMENT APPEALS AMWAY CIVIL LAWSUIT!
    10 June 2008 — The Secretary of State for Business, Enterprise and Regulatory Reform for the U.K. has appealed the lawsuit Amway won in lower court to a higher court! Rod Cook Ur Editor Note: This is nuts! A Bureaucrat out of control? Amway made draconian changes in the U.K. and remodeled their whole operation, plus initiated massive corporate training. Now, John Hutton (Secretary of State for Business) can’t let go – because of ego?”

    http://www.mlmwatchdog.com/mlm-amway.html

    É esperar pra ver o que acontecerá!!

  3. Fernando permalink*
    18/11/2010 1:02

    Amway Concorda em Pagar US$55 Milhões a Ex-Distribuidores
    .
    Num processo judicial iniciado em 2007 na Califórnia (no Ceará, caso você não saiba que é nos EUA) que encerrou essa semana, a Amway, maior empresa de MMN em termos de faturamento, concordou em pagar mais de US$55 milhões a ex-distribuidores. Além disso, concordou em pagar todos os honorários dos advogados dos litigantes.
    .
    O processo contra a Amway foi iniciado por dois grupos de ex-distribuidores: Um grupo com pessoas que perderam dinheiro no negócio mas permaneceram por menos de um ano, e outro grupo de pessoas que ficaram mais tempo no negócio e perderam mais dinheiro que o primeiro grupo.
    .
    Os litigantes receberam conselhos de 3 experts em MMN do Pyramid Alert Scheme, liderados por Robert Fitzpatrick — que no momento deve estar fazendo a dancinha do Usain Bolt pra comemorar.
    .
    O processo alegava que a Amway fazia falsas promessas em relação a ganhos, vendia produtos e materiais de propaganda superfaturados, além de ser uma empresa que transferia todos os investimentos da base para uma pequena porção de pessoas no topo. Não bastasse isso, o processo também alegava que a Amway era um esquema em pirâmide disfarçado, donde os ganhos da empresa viriam do bolso dos vendedores e não da revenda de produtos aos consumidores finais. A alegação final era de que a Amway operava, na prática, um mercado fechado onde a maioria estava fadado ao fracasso.
    .
    Continua em:
    .
    https://industriadadecepcao.wordpress.com/2010/11/05/amway-concorda-em-pagar-55-milhes-a-ex-distribuidores/

  4. Luiz Carlos Bressam permalink
    27/03/2011 21:50

    Será que o Congresso brasileiro tem conhecimento deste site??? Aqui são tantas as denuncias que permitir que empresas como estas, deveriam ser banidas do país, assim como a Foreba, a erba bike, e tantas outras… Tudo lixo!!! Uma verdadeira industria de decepções!!!

    • Alessandro Felix permalink
      04/05/2011 12:21

      Se é o caso, deveriamos tambem colocar como industria da decepcao a AVON, NATURA, RACCO, JEQUITI, BOTICARIO e tantas outras empresas inclusive entre estas citadas temos a implantação de MMN! Ninguem ganha nada!!! Absurdo, nao conheço ninguem detro destas Empresas dizendo que estão realmente ganhando dinheiro e sustentando suas familias e comprando casas, carros etc. vamos incluí-las ou realmente temos que estudar mais o Mercado de Venda Direta no Brasil? Vamos analisar…

    • Renata permalink*
      04/05/2011 13:41

      Não sei de MMN em avon, natura, boticário, racco ou jequiti. Se tiver o plano de compensação pro mmn de alguma destas empresas, por favor poste aqui.
      Que eu saiba, estas empresas praticam APENAS venda direta e não são objeto análise ou discussão por parte do blog.

  5. 21/07/2011 10:06

    Voce me pediu para postar aqui a prova do MMN das Empresas de Vendas Diretas aqui no Brasil…clique aqui http://www.slideshare.net/RACCOCOSMETICOS/sistema-racco-de-marketing e aproveita para criar um novo post da industria da decepcao contra ela. Se quiser mais eu procuro já que estão tão desinformados.

    • Fernando permalink*
      21/07/2011 13:23

      Obrigado Alessandro. Verificaremos depois.

    • Renata permalink*
      21/07/2011 13:52

      Alessandro, se quer postar sugestões, educadamente, agradecemos. Agora se vai pagar de informado e querer ditar título de post, crie seu espaço e escreva sobre o que quiser. Não precisa procurar nada…apenas faça como fez agora, poste informações com links comprobatórios – se o comentário estiver dentro das regras, aprovaremos. E não, por ora não postaremos sobre Racco, temos outros assuntos em pauta. Obrigada

  6. araken duarte dantas primo permalink
    14/09/2013 19:35

    O que eu sei é que não existe dinheiro fácil,Todavia existe pessoa que acredita nisso.Aí é tá o problema vc procura vc, achar. Eu fui convidado para participar, da Amway.Caraca Que facilida, comprei o produto.Eles tem um produto que limpa o iodo num passo de mágica! Eu fiquei encantado, quantos as percentagem adicionais,não liguei muito.Fiquei mais de olho no produto, só que o produto só é eficiente,no teste da apresentação mais na pratica do dia a dia sem sucesso.E também a margem de lucro é muito pouco pra quem sonega imposto.Portanto, além desse problema o lucro na pratica é muito pequeno, vc investe 1000, RS, pra lucrar 400,e com muito bra,bra,bra., Isso é uma realidade o resto é conversa. além disso vc está dando lucro pra os americano.Eu sou eletricista,se eu invisto 1000 de fio, lucro, 700;RS fácil, fácil. Mais valeu a experiência, mais não Índico, a ninguém! Espero que tenha colaborado…

  7. araken duarte dantas primo permalink
    14/09/2013 19:55

    Não adianta se aprofundar muito elas tem muitos produto,mais vc tem que se esforçar e muito porque, neguem conhece. vc é o garoto propaganda, por isso é que o lucro tinha que ser melhor, mais ficam pra eles.Aí eles ficam ti iludindo com os Bono.

  8. CIDA LEAL permalink
    18/11/2014 9:21

    Fui visitada ontem 17/11/2014 por um grupo lá de Curitiba e também fiquei encantada com o iodo no pano, como funciona. Só que quando falei pros caras que queria testar numa camiseta manchada com extrato de tomate pra ver se funcionava já senti que os caras se embanaram tudo. Ficaram horas lá em casa e me perdoem pela expressão (encheram o saco). Só que eu depois de ouvir falar em tantas pirâmides não cai no truque e infelizmente decepcionei o cara que dizia ser amigo do meu marido (amigo da onça) oferecer uma falcatrua dessas pra gente. fiquem espertos e não entrem nessa roubada.

    • alessandrofelix permalink
      25/11/2014 1:26

      pois é…novatos, gostaria de poder te ajudar. Primeiro, use o produto pre wash (sa8 pre wash) com a camisa seca, depois coloque para lavar com o alvejante e o sabao em po na maquina mesmo, ou se a mancha estiver muito gtrande deixa de molho com o alvejante e sabao em pó da noite para o dia e depois coloque p´ra lavar normalmente. grande abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: